Espiritismo: Evidências científicas II

José Lucas

Associação Cultural Espírita de Portugal

A prática do Espiritismo tem uma componente científica. Agora, são os cientistas não espíritas que o vêm comprovar. Vamos hoje continuar com experiências científicas que provam a eficácia da fluidoterapia, prática comum nas associações espíritas, que engloba o passe espírita (transmissão do magnetismo humano mais energias espirituais para a pessoa necessitada) e a água magnetizada por essas mesmas energias.

O Dr. Bernard Grad, bioquímico e pesquisador de geriatria no «McGill University's Allen Memorial Institute», no Canadá, fez experiências muito interessantes na Universidade de McGill, Montreal, Canadá na década de 1960. O trabalho do Dr. Grad a respeito da cura pelo toque das mãos foi reconhecido e Grad recebeu um prémio da Fundação CIBA, uma fundação científica fundada por um grande laboratório farmacêutico. Ele efectuou experiências com sementes de cevada, com ratos e análise da estrutura molecular da água.

  1. Nas suas experiências com sementes de cevada, Grad fez o seguinte:

    Bernard Grad efectuou outra experiência muito interessante:

    O passe espírita é uma transfusão de energias psíquicas e espirituais que alteram o campo celular, contribuindo assim para a saúde física e psíquica da pessoa necessitada

  2. Ainda numa outra experiência:
  3. Bernard Grad efectuou ainda experiências com ratos. Numa delas,

    Numa outra experiência, Grad pegou em:

José Lucas - Portugal

Bibliografia: "Fluidoterapia: Evidências Científicas", trabalho apresentado pela Associação Cultural Espírita (Caldas da Rainha - Portugal) no 2º Congresso Espírita Mundial, Lisboa, 1998