A Obra Mediúnica de Francisco Cândido Xavier e o Trabalho

Geziel Andrade

Francisco Cândido Xavier, o maior médium psicógrafo que o mundo já conheceu, com seu trabalho que resultou em centenas de obras espíritas publicadas, fortaleceu os fundamentos e os conhecimentos religiosos, morais e filosóficos do Espiritismo.

Especificamente com relação ao trabalho, foram tantos os ensinamentos dos bons Espíritos, recebidos pelo médium, que tornou-se necessário proceder urna seleção deles, abaixo apresentada, procurando manter a forma original ditada pelos diversos Espíritos comunicantes.

Adotando-se esse procedimento, ficaram preservadas a essência moral das lições, a profundidade filosófica dos ensinamentos e os apelos ao nosso aprimoramento interior.

Os sub-títulos criados para reunir os breves textos transcritos das mensagens dos próprios Espíritos, procuram sintetizar as lições que os diversos guias espirituais, fraternalmente, nos transmitiram através de Chico Xavier.

1) LIÇÕES TRANSMITIDAS PELO ESPÍRITO MEIMEI

a) COM O TRABALHO OBTEMOS MUITAS BÊNÇÃOS E BENEFÍCIOS:

“É pela bênção do trabalho que podemos esquecer os pensamentos que nos perturbam, olvidar os assuntos amargos, servindo o próximo, no enriquecimento de nós mesmos.

“Com o trabalho, melhoramos nossa casa e engrandecemos o trecho de terra onde a Providência Divina nos situou.” (Livro “Pai Nosso”) .

2) LIÇÕES TRANSMITIDAS PELO ESPÍRITO BATUÍRA

a) TRABALHEMOS SEMPRE:

“Se as dificuldades aumentam — mais trabalho. Se a calúnia aparece — trabalho maior. Se o desencanto chega —busquemos trabalho. Se o desalento ameaça — recorramos ao trabalho.” (Livro “Mais Luz”, Cap. 95, GEEM) .

b) TRABALHEMOS, CONSTANTEMENTE, PARA O BEM E PARA A FELICIDADE DE TODOS. ASSIM ESTAREMOS COM JESUS:

“Fora do trabalho, que se expressa em serviço ao bem geral, estamos conosco, mas, dentro do serviço que se expressa em trabalho constante no bem dos outros e na felicidade de todos, estamos e estaremos com Jesus.” (Livro “Mais Luz”, Cap. 14, GEEM.)

c) EM QUAISQUER CIRCUNSTÂNCIAS, NOSSA ATITUDE MAIS FELIZ SERÁ TRABALHAR E SERVIR SEMPRE:

“A vida na Terra é comparável a viagem por longas áreas de oceano. Convence-te de que, renteando com quaisquer tempestades, aflições, ventanias de discórdia, rochedos de angústia ou golpes de incompreensão — trabalha e serve sempre — porque o trabalho, em todo tempo e em toda parte, será, invariavelmente, o leme divino que nos conduzirá no rumo dos portos de paz e libertação.” (Livro “Mais Luz”, Cap. 94) .

“Obstáculos econômicos: trabalhar servindo.

“Necessidades e exigências, provações e amarguras: servir trabalhando.

“Em cada hora, em cada obrigação, em cada passo e em cada desafio na estrada em que o Senhor, por Misericórdia, nos situou com a oportunidade de elevação para a Vida Maior trabalhar servindo e servir trabalhando.

“Esta foi a receita do Cristo, trabalhando e servindo entre nós. Aprendamos a trabalhar e sirvamos também.” (Livro “Mais Luz”, Cap. 50) .

“Se trabalharmos — se nos dispusermos a trabalhar servindo sempre, com esquecimento de nós mesmos — todo ódio se converterá em amor, todo sofrimento se transubstanciará em alegria, toda lágrima se fará bênção, toda aflição se erigirá por ensinamento e toda sombra se transformará em luz para sempre.” (Livro “Mais Luz”, Cap. 70) .

d) COM TRABALHO, EM TUDO, REVELAMOS NOSSAS VIRTUDES E NOSSO MUNDO ÍNTIMO, ENGRANDECEMOS A NÓS MESMOS E BENEFICIAMOS A TODOS:

“Em tudo, trabalho que nos exteriorize a fé para que a nossa fé não seja vã; trabalho que se converta em mensagem viva de solidariedade e de amor, no rumo daqueles que nos compartilham a marcha; trabalho que nos valorize os amigos e altere para melhor a conceituação de adversários a nosso próprio respeito; trabalho que se transfigure em progresso e bênção para quantos nos cerquem; trabalho que nos patenteie a decisão de transformar-nos, em definitivo, em cooperadores de Jesus onde estejamos.

“E guardemos a certeza de que onde o trabalho não esteja, aí vige a sombra desencadeando toda a classe de crises do pensamento e do coração, impedindo a execução do bem a que nos propomos servir.” (Livro “Mais Luz”, Cap. 71) .

e) COM O TRABALHO AO PRÓXIMO, EXTERNAMOS AMOR E CARIDADE:

“Serviço ao Senhor na pessoa do próximo.

“Para isso, trabalho é a legenda mágica.

“Trabalho que dissolva a tristeza, evite o desanimo, afaste as tentações e converta a influência do mal na força do bem.

Trabalho que se inflame em otimismo e coragem, a fim de que a caridade se faça alegria e a alegria se faça amor universal”. (Livro “Mais Luz”, Cap. 1, mensagem “Trabalhar, trabalhar.”)

3) LIÇÕES TRANSMITIDAS PELO ESPÍRITO BEZERRA DE MENEZES

a) EM ORAÇÃO, PEÇAMOS TRABALHO CRIANDO OPORTUNIDADES DE SERVIR, APRENDER A AMAR, APROVEITAR O TEMPO, REALIZAR CORRIGENDAS, SUPRIR NECESSIDADES, OBTER IMUNIZAÇÃO CONTRA O MAL, SER ÚTIL E DE VENCER:

“Senhor!

“Auxilia-nos a servir para que aprendamos a amar, segundo nos ensinaste.

‘14as horas tranqüilas, induze-nos a trabalhar, aproveitando os tesouros do tempo, e nas horas de crise, conserva-nos em mais trabalho a fim de não perdê-los.

“Se errarmos, faze-nos trabalhar na própria corrigenda, e, sempre que acertarmos no dever a cumpris acrescenta-nos o trabalho para sermos mais úteis.

“Senhor, ajuda-nos a compreender que o trabalho afasta a necessidade, imunizando-nos contra o mal, e auxilia-nos a lembrar que unicamente aqueles que aprendem a servir é que conseguem vencer.” (Livro “Sinais de Rumo”, mensagem “Prece por Trabalho”) .

4) LIÇÕES TRANSMITIDAS PELO ESPÍRITO ANDRÉ LUIZ

a) ENCONTRAMOS, NO TRABALHO, A SOLUÇÃO PARA OS NOSSOS PROBLEMAS, ANGÚSTIAS E SOFRIMENTOS:

“Seja qual seja o seu problema, o trabalho será sempre a sua base de solução”.

“Não existe processo de angústia que não se desfaça ao toque do trabalho”.

“Diante de qualquer sofrimento, o trabalho é o nosso melhor caminho de libertação.” (Livro “Respostas da Vida”, Cap. 24) .

b) NOSSO AMOR À PROFISSÃO CONVERTE-SE EM FELICIDADE PARA TODOS:

“Se você puser amor naquilo que faz, para fazer os outros felizes, a sua profissão, em qualquer parte, será sempre um rio de bênçãos.” (Livro “Sinal Verde”, CEC, Cap. 18) .

c) TEMOS POR DEVER ENRIQUECER O TRABALHO COM CONHECIMENTOS NOVOS:

“Enriquecer o trabalho profissional, adquirindo conhecimentos novos, é simples dever.” (Livro “Sinal Verde”, CEC, Cap. 19) .

d) PODEMOS ENRIQUECERMO-NOS DE AMOR E SABEDORIA, NO SERVIÇO AO PRÓXIMO COM O TRABALHO E O ESTUDO INCESSANTES, TORNANDO-NOS VALIOSOS E FELIZES:

“Aquele que se empobrece de ignorância e maldade, buscando enriquecer-se de amor e sabedoria, no serviço ao próximo, através do trabalho e do estudo incessantes, adquirindo compreensão e conhecimento, luz e paz, diante das Leis Divinas, é, de todos os pobres e de todos os ricos, o homem mais valioso e mais feliz.” (Livro “Caridade”, Cap. 9, IDE) .

e) TEMOS POR DEVER TRABALHAR E ESTUDAR, AGIR E CONSTRUIR, PROCURANDO BURILAR SEMPRE O MUNDO ÍNTIMO:

“Viver trabalhando e estudando, agindo e construindo, no próprio burilamento e na própria corrigenda, de tal modo que não se veja capaz de encontrar as falhas prováveis e os erros possíveis dos outros.” (Mensagem “Saúde e Equilíbrio.”)

f) ENCONTRAMOS, NO TRABALHO PERMANENTE, AUXÍLIO A NÓS MESMOS:

“Se você sofre, trabalhe; se está doente, trabalhe; se carrega o corpo enfraquecido, trabalhe, quanto puder e naquilo que possa fazer, porque isso resultará em auxilio a você mesmo.” (Livro “Recados da Vida”, mensagem “Vitória”) .

g) NOSSA MAIOR PREOCUPAÇÃO DEVE SER AS BOAS OBRAS QUE SURGEM COMO FRUTO DO TRABALHO ÁRDUO:

“À face do trabalho árduo, não tema o suor que correrá copiosamente. Centralize a expectativa nas boas obras que surgirão.” (Livro ‘Agenda Cristã”, 27a.edição, p. 138) .

h) DEVEMOS SERVIR ALÉM DO DEVER:

“Servir além do próprio dever não é bajular e sim entesourar apoio e experiência, simpatia e cooperação.” (Livro “Sinal Verde”, CEC, Cap. 17) .

i) TODAS AS NOSSAS TAREFAS SÃO IMPORTANTES E DEVEM SER EXECUTADAS COM ALEGRIA:

“Quem executa com alegria as tarefas consideradas menores, espontaneamente se promove às tarefas consideradas maiores.

“Quando o trabalhador converte o trabalho em alegria, o trabalho se transforma na alegria do trabalhador.” (Livro “Sinal Verde”, CEC, Cap. 17.

j) NOSSO SALÁRIO, PARA SER MERECIDO, TEM QUE SER CORRESPONDIDO COM TRABALHO:

“Em matéria de remuneração, recorde: quem trabalha deve recebe; mas igualmente quem recebe deve trabalhar.” (Livro: “Sinal Verde”, CEC, Cap. 19) .

5) LIÇÕES TRANSMITIDAS PELO ESPÍRITO EMMANUEL

a) A FONTE DE ORIGEM E DE SUSTENTAÇÃO DA NOSSA RIQUEZA É O NOSSO TRABALHO:

“Observa os elementos de trabalho que a vida te conferiu e não te esqueças de que a única fonte de origem e de sustentação da riqueza legítima é sempre o trabalha” (Livro “Dinheiro”, Cap. XIII)

b) O TRABALHO, PERM1TINDO O BOM USO DO TEMPO, GERA FORTUNAS E ENRIQUECE-NOS DE LUZ E AMOR, COMPREENSÃO E MERECIMENTO:

“Somente o trabalho sentido e vivido é capaz de gerar a verdadeira fortuna e acrescentá-la infinitamente e, por isso, amando a tarefa que o Senhor te confiou por mais inquietante ou singela, vale-te do tempo para enriquecer-te hoje de luz e amor compreensão e merecimento, a fim de que o tempo não te encontre amanhã de coração fatigado e de mãos vazias.” (Livro “Dinheiro”, cap. XX) .

c) O TRABALHO, AS LUTAS, OS SOFRIMENTOS E A APRENDIZAGEM PROPICIAM-NOS EXPERIÊNCIAS, APERFEIÇOAMENTOS E EVOLUÇÃO PESSOAL:

“A luta e o trabalho são tão imprescindíveis ao aperfeiçoamento do espírito, como o pão material é indispensável à manutenção do corpo físico. E trabalhando e lutando, sofrendo e aprendendo, que a alma adquire as experiências necessárias na sua marcha para a perfeição.” (Livro “O Consolador, p. 83) .

d) NOSSO TRABALHO EM PROL DO PRÓXIMO GERA INCONTÁVEIS BENEFÍCIOS:

“No trabalho em que possas fazer o melhor para os outros, encontrarás a quitação do passado, as realizações do presente e os créditos do futuro. E é ainda por ele que conquistarás o respeito dos que te cercam, a riqueza da experiência, a láurea da cultura, o tesouro da simpatia, a solução para o tédio e o socorro a toda dificuldade.” (Livro “Religião dos Espíritos”, FEB, Mensagem “Trabalha Servindo”) .

e) COM O SERVIÇO EXTRA, EXPRIMIMOS A POSSE DE VIRTUDES:

“Na atividade em que te encontras, faze mais que o deve; porquanto o serviço extra, espontâneo e sem recompensa, em toda situação será sempre a tua mais alta pregação de virtude.” (Mensagem “Roteiro para ser Feliz”) .

E) NOSSA FELICIDADE ESTÁ NO TRABALHO QUE DEPENDE EXCLUSIVAMENTE DE NÓS, A GRATIDÃO A DEUS, NAS REALIZAÇÕES NOBRES, NA DISPOSIÇÃO DE VIVER E NA CONSCIÊNCIA EM PAZ:

“Quando o dia terminar, agradece ao Senhor a ventura de haver engastado mais uma pérola do tempo em teu colar de realizações e, cerrando os olhos para o justo refazimento, guarda por teu maior prêmio a consciência tranqüila, com a invariável disposição de vive; cada dia, reconhecendo que tudo na vida depende inteiramente de Deus, mas na certeza de que o trabalho em tuas mãos depende unicamente de ti.” (Mensagem “Roteiro para ser Feliz”) .

g) MOSTREMOS GRANDEZA MESMO NAS TAREFAS HUMILDES:

“É indispensável que o espírito aprenda a ser grande nas tarefas humildes, para que saiba ser humilde nas grandes tarefas.” (Livro “Justiça Divina”, FEB, Mensagem “Tarefas Humildes”) .

h) SAIBAMOS HONRAR O SERVIÇO:

“Honremos o serviço que invariavelmente nos honra, guardando-lhe fidelidade e ofertando-lhe as nossas melhores forças, ainda mesmo quando se expresse, através de ocupação, supostamente esquecida na retaguarda”.

i) SAIBAMOS RESPE1TAR O TRABALHO:

“Nos princípios que regem o Universo, todo trabalho construtivo é respeitável.” (Livro “Livro da Esperança”, CEC, Cap. 34) .

j) PRESERVEMOS O CORPO FÍSICO, QUE É o MAIS IMPORTANTE INSTRUMENTO PARA A EXECUÇÃO DE QUAISQUER TRABALHOS:

“És um espírito eterno, em serviço temporário no mundo.O corpo é teu refúgio e teu bastão, teu vaso e tua veste, tua pena e teu buril, tua harpa e tua enxada.

“Abençoa, pois, o teu corpo e ampara-lhe as energias para que ele te abençoe e te ampare, no desempenho de tua própria missão.”(Livro ‘livro da Esperança”, CEC, Cap. 10) .

1) TEMOS, POR DEVER, QUE ABENÇOAR, CONSERVAR, AUXILIAR E PRESERVAR O NOSSO CORPO FÍSICO:

“A cela física, na escola do Planeta, é a carteira de estudo ou o cubículo de retificação que nos patrocina o progresso. Abençoá-la, conservá-la, auxiliá-la e preservá-la, através de hábitos baseados em equilíbrio e retidão, nos quais os recursos da existência sejam usados sem excessos, é simples dever.” (Livro “No Portal da Luz?’, Cap. 18) .

m) PRECISAMOS AMAR E AGRADECER A DEUS A OPORTUNIDADE DESTA BOLSA DE TRABALHO E DE ESTUDO NA TERRA:

“Companheiro do mundo, se o conhecimento da reencarnação já te felicita, sabes que a existência na Terra é preciosa bolsa de trabalho e de estudo, com amplos recursos de pagamento.

“Assim pois, seja qual seja a provação que te assinala o caminho, sofre, amando e agradece a Deus.” (Livro “Justiça Divina”, FEB, Mensagem “Aprender e Refazer”) .

n) TEMOS, POR DEVER, COM VISTAS A CUMPRIR NOSSA MISSÃO E SERMOS FELIZES, QUE

TRABALHAR E SERVIR SEMPRE, INDEPENDENTEMENTE DAS DIFICULDADES:

“Não permitas que desilusões e provas te impeçam de trabalhar, porquanto a Divina Providência, em qualquer matéria de amor e de apoio material, para que não te omitas nos encargos que te competem. E, ainda mesmo quando te acredites sob proteção imbatível, no que se refira a disponibilidades terrestres, trabalha sempre, porque ninguém vence os caminhos de acesso à felicidade quando não se decida a servir e mais servir.” (Livro “Caminhos de Volta”, GEEM, Mensagem “Para Vencer”) .

o) TRABALHANDO E SERVINDO, EXPRESSAMOS A POSSE DE VIRTUDES DIVINAS, CAMINHAMOS EM HARMONIA COM AS LEIS E ASCENDEMOS NA HIERARQUIA ESPIRITUAL:

“O trabalho dos que trabalham servindo chama-se humildade e benevolência, esperança e otimismo, perdão e desinteresse, bondade e tolerância, caridade e amo; e, somente através dele, o espírito caminha, na senda de ascensão, em harmonia com as leis de Deus.” (Livro “Religião dos Espíritos”, FEB, Mensagem “Trabalha Servindo”) .

p) A DISCIPLINA E O PRAZER DE SERVIR SÃO INDISPENSÁVEIS PARA CONSEGUIRMOS CUMPRIR NOSSA MISSÃO:

“Não te digas inútil, nem te asseveres incompetente.

“Para cumprir a missão que nos cabe, não são necessários um cargo diretivo, uma tribuna brilhante, um nome preclaro ou uma fortuna de milhões. Basta estimemos a disciplina no lugar que nos é próprio, com o prazer de servir.” (Livro “Livro da Esperança”, CEC, Cap. 16) .

q) DEVEMOS TRABALHAR MUITO, MAS NÃO ESQUECERMO-NOS DO REPOUSO IMPRESCINDÍVEL E DO ENTRETENIMENTO SADIO:

“A pausa de repouso ou o entretenimento em que se te restaurem as energias.” (Mensagem “Tensão Emocional”)

r) NOSSA MAIOR RECOMPENSA E BÊNÇÃO, AO TRABALHARMOS SERVINDO E CUMPRIRMOS O

DEVER COM SINCERIDADE, SERÁ SEMPRE TER A PAZ NA CONSCIÊNCIA E CONTAR COM O APOIO DE DEUS:

“E, trabalhando e servindo sempre, sem esperar outra recompensa que não seja a bênção da paz na consciência própria, nenhuma tensão emocional te criará desencanto ou doença, de vez que se cumpres o teu dever com sinceridade, quanto te falte força, Deus te sustentará e onde não possas fazer todo o bem que desejas realizar Deus fará sempre a parte mais importante.” (Mensagem “Tensão Emocional”) .

s) NÃO PODEMOS DESPERDIÇAR TEMPO:

“E, sabendo que cada criatura deve ser útil, conforme as faculdades de que disponha, observa o que fazes com o tesouro das horas, porquanto o tempo chamado “hoje”, é recurso em teu favo; na contabilidade da vida, marcando-te acerto de contas para amanhã.” (Livro “Ideal Espírita”, Cap. 63) .

t) PELO USO DO TEMPO, PODEMOS AVALIAR A NÓS MESMOS:

“... anotemos com imparcialidade como empregamos, dia-a-dia, os créditos do tempo e os tesouros da vida, para que venhamos a saber com segurança o que estamos fazendo realmente de nós.” (Livro ‘livro da Esperança”, CEC, Cap. 43) .

u) COM A BÊNÇÃO DO TRABALHO EDIFICANTE, EVITAMOS O REPOUSO EXCESSIVO E A OCIOSIDADE DOENTIA E CRIAMOS O PRÓPRIO BEM:

“A cada momento, o Criador concede a todas as criaturas a bênção do trabalho, como serviço edificante, para que aprendam a criar o bem que lhes cria luminoso caminho para a glória na Criação.

“Não permitas, portanto, que o repouso excessivo te anule a divina oportunidade.

“Assim como o relaxamento é ferrugem na enxada, a beneficio do joio que te prejudica a seara, o tempo vazio é flagelo na alma, em favor das energias perniciosas que devastam a vida.” (Livro “Religião dos Espíritos”, FEB, Mensagem “Trabalha Servindo”) .

v) DIRECIONEMOS NOSSO LIVRE-ARBÍTRIO PARA O TRABALHO E O AUXÍLIO A BEM DO PRÓXIMO:

“Na Esfera Superior és visto pelo que fazes.

“O auxílio que prestas ao bem dos outros é nota de crédito em tua ficha.

“E como a Divina Bondade te deixa livre para fazer o bem como queiras, onde queiras e quando queiras, depende de ti limitar o repouso, olvidar o que seja inútil e evitar o que prejudica, a fim de atenderes, em regime de ação constante, ao serviço do bem, e seres assim mais amplamente conhecido e naturalmente credenciado diante da Lei de Deus” (Livro “Religião dos Espíritos”, FEB, Mensagem “Tempo e Serviço”) .

x) NÃO SÓ NO SALÁRIO ENCONTRAMOS A RECOMPENSA DEVIDA:

“Inúmeras pessoas seguem, da mocidade à velhice do corpo, ansiosas e descrentes, enfermas e aflitas, por não se conformarem com os ordenados mensais que as circunstâncias do caminho humano lhes assinalam, dentro dos Imperscrutáveis Desígnios.

“Não é por demasia de remuneração que a criatura integrará nos quadros divinos.

“Se um homem permanece consciente quanto aos deveres que lhe competem, quanto mais altamente pago, estará mais intranqüilo.

“Desde muito, esclarece a filosofia popular que para a grande nau surgirá a grande tormenta. Contentar-se cada servidor como próprio salário é prova de elevada compreensão, ante a justiça do Todo-Poderoso.

“Antes, pois, de analisar o pagamento da Terra, habitua-te a valorizar as concessões do Céu.” (Livro «Pão Nosso”, Cap.6) .

z) TUDO DEPENDE DA NOSSA VONTADE E DECISÃO FIRME:

“Trabalho, ação, aprendizado, melhoria!...

“Não te ponhas à espera deles sob a imaginária incapacidade de procurá-los, à vista de imperfeições e defeitos que te marcaram ontem.

“Realização pede apoio da fé.

“Mãos à obra.

“Tudo o que serve para corrigir elevar, educar e construir, nasce primeiramente no esforço da vontade unida à decisão.” (Livro “Rumo Certo”, Cap. 26, FEB) .

CAPITAL E TRABALHO À LUZ DO ESPIRITISMO – Geziel Andrade