Para uma abordagem semiotico-linguistica do discurso histórico

(resumo)

Sady Carlos de Souza Jr.

Trata-se de um estudo cientifico lançando as bases e hipóteses cientifica da Reencarnação através de uma analise comparativa da vida de três grandes personagens da historia: Marco Polo - Cristóvão Colombo - Santos Dumont. Continuarei o mesmo projeto ampliado no Doutorado.

O desenvolvimento deste objeto surgiu de um método de verificação da reencarnação de personagens históricos passiveis de constatação historiográfica. O método foi elaborado pelo Sr. César Burnier, e consta em uma publicação do Jornal Espírita de 1983. Relata ele como conseguiu descobrir as reencarnações de alguns personagens da Rev. Francesa, na Guerra dos Cem Anos, em Roma antiga, etc... Procurei ele no Rio para entrevistá-lo e saber sobre a citação daqueles personagens acima.

Ele me disse que não houvera feito um estudo sobre eles, apenas os espíritos lhe comentaram. Desse modo eu mesmo resolvi fazer a comparação da vida dos três personagens, e o fiz de forma lingüística por razoes metodológicas contidas no cap. 1, ou seja, troquei o objeto fenomênico histórico, para o signo lingüístico histórico. Pude proceder depois a um estudo terminológico do "Livro de bordo da primeira viagem do descobrimento da América" de C. Colombo, e compará-lo ao "Os Meus Balões" de S. Dumont. Distingui as terminologias náuticas e aeronáuticas, o legado, as lexias mais usadas, etc...

Depois, no cap. 3, passei a comparar o texto de S. Dumont com o contexto de Colombo, num levantamento sintaxico-semantico com mais de 90 citações pertinentes entre os dois personagens.

O cap.4 amplia o objeto de estudo para alem dos dois livros. Trata da denominação dos personagens, todos os seus entornos e feitos como produção histórica, nomes das descobertas e invenções, outros personagens e suas implicações. Apresentei não só dados sintáxicos, mas lexicais, semânticos, fonológicos e fonéticos.

O cap. 5 retrata, através de uma analise semiótica e extralingüística, as correspondências entre alguns fatos históricos desencadeados pelos personagens; por ex: a questão da não primazia do vôo de S. Dumont. Alem disso, descobre as varias relações de igualdade entre Wilbur Wright e Américo Vespucio.

O cap. 6 discorre sobre "numerais semioticamente designativos". A função psicológica que o numero estabelece entre os personagens através de datas, duração de períodos, designação de aparelhos por numerais, idades, ordenação de capítulos, séculos, etc...

No texto do cap. 7 aparecem uma teia programática indo alem do que se considera como construção ideológica humana, intitula-se "Aspectos geográficos e semióticos" por constar elementos fortemente ligados sem contudo dependerem da consciência de cada personagem ou historiador. Alem do relacionamento entre todos os personagens citados insere-se agora Marco Polo.

No cap. 8, "Intertextos semióticos iconográficos. Documental extralingüístico composto de cinqüenta imagens de um conteúdo onde se sobressai caracteres intertextuais muito pertinentes.

Nesta dissertação ha mais de 300 dados de comparação entre Cristóvão Colombo e Santos Dumont (alguns deles admiráveis), dando-nos a reconhecer objetivamente a possibilidade da relação existente entre dois personagens de uma historia não subseqüente fortemente ligados entre si pela reencarnação.

Este e' um ligeiro resumo sem deter-me em exemplificações que seriam o âmago da pesquisa.

Um abraço amigo, Sady Carlos de Souza Jr.

N.R. A Dissertação de Mestrado: "Para uma abordagem semiotico-linguistica do discurso histórico" foi defendida pelo seu autor Sady Carlos em 8/11/96, na FFLCH/USP, tendo obtido nota 10 com distinção.

(Publicado no Boletim GEAE Número 282 de 3 de março de 1998)