Reflexões Teológicas

José Reis Chaves

O padre alemão Mestre Eckart (séculos 13 e 14) foi condenado pela Igreja por sua filosofia mística de influência oriental.

Mas a Bíblia tem também essa influência. Os romanos já diziam: "Lux ex oriente" ("A luz vem do Oriente"). A questão é que os teólogos ocidentais sempre quiseram dar a entender que suas teologias são originais.

Mas, hoje, eles já aceitam que Deus é também imanente em nós, e não só transcendente (fora e distante de nós), como eles ensinavam outrora. E vejamos algumas questões das teologias ocidentais ou cristãs. E não vale como respostas para elas a desacreditada frase: "Trata-se de mistérios de Deus!" O nosso Deus ocidental é amor (1 João 4,16).

E Ele não pode ser menos amorável conosco do que o dos orientais. Mas como esse Deus ocidental poderia ter criado para seus filhos, que Ele tanto ama, o maior mal do Universo, ou seja, o inferno eterno? O Deus oriental prefere para pagamento dos débitos de seus filhos um mal menor e justo, pois financia o pagamento deles em longas prestações ou reencarnações, que não se comparam com as penas dantescas e eternas do inferno. Apesar de seu amor finito, os pais e as mães terrenos não condenariam jamais seus filhos a tamanho sofrimento desse. E como Deus, que ama os seus filhos, com amor infinito, faria tal coisa?

Se nós devemos perdoar setenta vezes sete ou sempre, por que Deus, que é perfeição infinita, condenaria para sempre seus filhos? Jesus sofreu e morreu na cruz para Ele próprio se aperfeiçoar e se glorificar diante de seu Pai (Hebreus 3,10 e Lucas 24,26).

Por que os teólogos ocidentais nunca falam nisso? As ceias dos primeiros cristãos eram refeições reais de confraternização iguais à de Jesus com seus 12 apóstolos (1 Coríntios 11, 20, 21 e 22). E Ele nos recomendou que nós fizéssemos também essas ceias fraternais, as quais nos fariam lembrar da ceia entre Ele e seus apóstolos.

Os espíritas fazem isso em seus grupos espíritas e fora deles, alimentando gratuitamente os famintos. Por que uma parte dos teólogos cristãos transformou essas ceias em rituais que lhes rendem lucros materiais? Devemos respeitar todas as religiões, pois Jesus disse: "Seja te dado conforme tu creste".

Entretanto, diante das questões expostas, nos perguntamos: estariam os teólogos ocidentais ensinando e cumprindo a contento a mensagem de amor e fraternidade do Evangelho do Mestre?

(Texto de José Reis Chaves, Teósofo, biblista e escritor do Livro: A Reecarnação Segundo a Bíblia e a Ciência).