Desencarne ou Desencarnação?

Jornal Mundo Espírita - Maio de 2000

Ainda que autores espíritas de renome tenham utilizado a palavra desencarne para designar o processo de desencarnação, essa palavra não existe. Assim como não tem encarne, não tem desencarne. Já que falamos encarnar, encarnado e encarnação, falamos corretamente desencarnar, desencarnado e desencarnação. Estas sim encontram respaldo nos melhores dicionários, significando o ato ou efeito de desencarnar, deixar a carne, passar para o mundo espiritual, morrer.

Alguns ainda explicam que desencarne significaria desossar ou seja, tirar os ossos, mas na verdade a palavra desencarne sequer existe.

O que pode causar confusão é a palavra descarnar, essa sim significa separar da carne os ossos, uma das tarefas típicas de açougueiro; ou ainda, pode significar perder as carnes, emagrecer, muito embora cause estranheza você dizer a alguém que este está descarnado, querendo dizer que está magro!

Extraído do Boletim Informativo nº 08/98
da Sociedade Espírita Renovação - Curitiba

(Jornal Mundo Espírita de Maio de 2000)