A evolução nas Obras de Chico Xavier - Psicologia

Valdomiro Halvei Barcellos

Chico Xavier será estudado em profundidade após a sua desencarnação. Afirmação semelhante a esta ouvi de alguém, não lembro quem, porém, que vibra em minha mente toda a vez que leio algo referente a Chico ou algumas de suas Obras.

O tema proposto, em princípio, será baseado em pesquisa nas 16 obras clássicas psicografadas por Chico Xavier: Nosso Lar, Mensageiros... e, A Vida continua. Talvez consulte outras; vamos ver o que acontece. Nota: Chico psicografou mais de 400 obras.

Serão excertos de notações e destaques referentes a: Psicologia.

PSICOLOGIA

NOSSO LAR

“Quando o servidor está pronto o serviço aparece”. Nota de chamada da Obra Nosso Lar, 1943, ditada pelo Espírito André Luis.

1. “Todo o leitor precisa analisar o que lê”. “O intercambio com o invisível é um momento sagrado, em função restauradora do Cristianismo puro”. Para tanto, precisamos, “em verdade, do Espiritismo e do Espiritualismo, mas muito mais, de Espiritualidade”.

2. A ORAÇÃO NA PSICOTERAPIA ESPÍRITA: “Às almas aflitas e cansadas recomenda-se a Oração como lenitivo para o esgotamento emocional”. No capítulo 2 da Obra Nosso Lar, André Luis, Espírito, afirma que: “é preciso haver sofrido muito, para entender todas as belezas da Oração”.

“As vibrações mentais durante a prece produzem imagens e carreiam energias balsamizantes”. “Há chuvas que destroem e chuvas que criam. Lágrimas há também, assim, é lógico que o Senhor não espera por nossas rogativas para nos amar, no entanto, é indispensável nos colocarmos em determinada posição receptiva, a fim de compreender a infinita bondade”.

3. “Para crescer necessitamos de realizações nobres e a realização nobre exige três requisitos fundamentais: Primeiro, desejar; segundo, saber desejar; e, terceiro, merecer”.

4. TERAPIA DA ALIMENTAÇÃO: “Estamos numa fase em que necessitamos nos adaptar as Leis da Simplicidade. Estamos entrando na era da espiritualização. Busca eliminar metodicamente todas as expressões de vida que nos proporcionem fenômenos puramente materiais será um grande passo no tratamento das sensações e emoções”.

5. MAGNETISMO: “Vemos a ação do magnetismo humano na água, fluido criador, que absorve, em cada lar”, as características mentais de seus moradores. A água carreia as expressões de nossa vida mental. A fluidificação da água, a benção do copo d’água e a sua magnetização." “Nociva nas mãos poderosas, útil nas mãos generosas”.

“O Espírito onde estiver é núcleo irradiante de forças que criam, transformam ou destroem exteriorizadas em vibrações”.

6. AMOR ALIMENTO DAS ALMAS: “A Alma em si se nutre de Amor”.

“A vida terrestre se equilibra no Amor, sem que a maior parte dos homens se aperceba. Almas gêmeas, almas irmãs, almas afins, constituem pares e grupos numerosos. Unindo-se uns aos outros se amparando mutuamente, conseguem equilíbrio no plano de redenção. Quando, porém, faltam companheiras as criaturas menos fortes costuma sucumbir em meio à jornada”. “Nem só de pão vive o homem”.

7. NOÇÕES DE LAR: “O lar é como se fora um ângulo reto nas linhas do plano da evolução divina. A reta vertical é o entendimento feminino, envolvido nas inspirações criadoras da vida. A reta horizontal é o sentimento masculino, em marcha de realizações no campo do progresso comum. O lar é o sagrado vértice onde homem e mulher se encontram para o entendimento indispensável. É templo, onde as criaturas devem unir-se espiritualmente antes que corporalmente”.

Essencial a ‘conversa’, o diálogo... Apaga-se a beleza luminosa do amor, quando os cônjuges perdem a camaradagem e o gosto de conversar”.

“Vão para a mesa inquietos e neurastênicos emitindo fluidos pesados e venenosos, que se misturam automaticamente aos alimentos...”.

8. SABER OUVIR: É UMA ARTE. “Ouvir para levar auxílio justo. E não somente para participar do desequilíbrio e da neurose”. “Deixemos os mortos enterrarem seus mortos”. “Abandone quanto lhe seja possível os propósitos de mera curiosidade; não deseje personificar a mariposa, de lâmpada em lâmpada”.

9. CURIOSIDADE: “A curiosidade sadia, pode ser zona mental muito interessante, mas perigosa, por vezes. Dentro dela, o espírito desassombrado e leal consegue movimentar-se em atividades nobilitantes; mas os indecisos e os inexperientes podem conhecer dores amargas, sem proveito para ninguém”.

Atenção: “Aprenda a construir seu círculo de simpatias e não olvide que o espírito de investigação deve manifestar-se após o espírito de serviço. Pesquisar atividades alheias, sem testemunhos no bem pode ser criminoso atrevimento. Muitos fracassos, nas edificações do mundo, originam-se de semelhante anomalia”. “Todos querem observar, raros se dispõem a realizar”.

“Trabalhe pelo bem dos outros para que possa encontrar o seu próprio bem”. “O espírito de serviço fornece tônicos de misterioso vigor”.

10. “O pensamento é a linguagem universal. A criação mental é quase tudo em nossa vida. O pensamento é a base das relações espirituais dos seres entre si”.

11. CASAMENTO: Por que condenar ao homem e a mulher que se casaram mais de uma vez? Há milhões de criaturas nessas condições." “O Mestre nos prometeu a vida dos Anjos, quando se referiu ao casamento na Eternidade”.

“O verdadeiro casamento é de Almas e essa união ninguém poderá quebrantar”. Há casamento de Amor, de fraternidade, de provação, de expiação, de dever’, de missão. “A união esponsalícia não deve trazer o esquecimento da vida social”.

12. CASAMENTO E SEXO: “É necessário, sobrepor a tudo os princípios de natureza espiritual”.

13. MEDO: Exercícios contra o medo. “Elevada percentagem de existências humanas estranguladas simplesmente pelas vibrações destrutivas do terror, que é tão contagiante como qualquer moléstia de perigosa propagação. O medo é um dos piores inimigos da criatura, por alojar-se na cidadela da Alma, atacando as forças mais profundas. O treinamento contra o medo é fundamental e esta muito acima das próprias lições de enfermagem. A calma é garantia de êxito”.

“Medicina preventiva, como medida primordial para a paz interna; assim é necessária condição de defesa contra o mal, acima das conveniências formais, sem repouso, e trabalho permanente no bem”.

“Preparação religiosa, não política, iluminando o raciocínio para a vida eterna. Com um sacerdócio cuidando essencialmente da Verdade de Deus. Assim inspirar-se-ão a fé e a confiança. Homens espiritualizados para o trabalho sério, coragem”.

14. PENSAMENTO: Quando nos unimos aqueles a quem amamos, ocorre algo de confortador e construtivo em nosso íntimo. É o alimento do Amor. ...Os “pensamentos se entrelaçam, formando núcleos de força viva, através dos quais cada um recebe o seu quinhão de alegria ou sofrimento, da vibração geral. É por essa razão que, no planeta, o problema do ambiente é sempre fator ponderável no caminho de cada homem. Cada criatura viverá daquilo que cultiva. Quem se oferece diariamente à tristeza, nela se movimentará; quem enaltece a enfermidade, sofrer-lhe-á o dano”;

15. NO TESTEMUNHO: Toda a criatura no testemunho deve proceder como a abelha, acercando-se das flores da vida, que são as almas nobres, no campo das lembranças, extraindo de cada uma a substancia dos bons exemplos, para adquirir o mel da sabedoria.

COMENTÁRIOS

“A vida continua além da vida”. “A morte é o jogo escuro das ilusões”.

Na verdade tudo é vida. Espiritualidade significa estar de posse do Subconsciente que ninguém consegue dizer o que seja e onde está.

A Oração é um componente da Meditação ou, melhor dizendo, é uma faze da Meditação...

Desejar esta para a vontade ativa; saber desejar para o trabalho persistente e merecimento justo.

A psicologia espírita nos apresenta estudos valiosos e métodos a seguir, se não seria inócua a obra Nosso Lar, teria sido perda de tempo.

Estudar e aplicar técnicas de respiração e da “absorção de princípios vitais da atmosfera” são métodos de espiritualização; bem como a água misturada com elementos solares,...e magnéticos (fluidoterapia) e alimentação convencional balanceada; para tanto a ciência do nutricionismo se constitui de valioso auxiliar na terapia da alimentação para o controle e aprimoramento dos sentimentos.

Eis aí as formas-pensamento dos egípcios, a ideoplastia do pensamento que plasma formas e sinais nas crianças e nas fotografias. É pelo pensamento que os homens se encontram. “Toda a alma é imã poderoso”.

Hoje é comuns os moradores de uma mesma casa tomarem as refeições com a TV ligada transmitindo notícias de acidentes e catástrofes, sem contar as novelas que são distribuições de neuroses; e a noite dormem com a dita TV ligada nos quartos com programação de violência e de terror...

O Sonho é um estado de emancipação da Alma.

Devemos ser irmãos. Unem-se comumente corpos casam-se dificilmente espíritos.

Quem entroniza o Otimismo terá saúde e alegria.

DA OBRA OS MENSAGEIROS

1. FILHOS: “Os filhos não são propriedades e sim companheiros muito caros a quem devemos estender os benefícios do conhecimento.

2. CARIDADE: “Não desejar informar-se dos problemas dos infelizes, não indagar de suas desventuras. Sim, buscar tratá-los como irmãos necessitados. Saber como lhe poder ser útil”.

“Trabalhar no bem desenvolve a Inteligência e o Amor, enchendo a taça do coração”.

3. PERSONALIDADE: “No trabalho, calar toda espécie de reclamação. Interessar-se tão somente pelo bem divino”. “Toda a possibilidade construtiva vem de Deus e esta convicção nos auxilia a esquecer as exigências descabidas de nossa personalidade inferior”.

4. MENTE HUMANA: A Mente humana abre-se cada vez mais, para o contacto com as expressões invisíveis, dentro das quais funciona e se movimenta”.

5. TRABALHO: “Considera trabalho útil toda a conversação sadia que nos enriqueça os conhecimentos e aptidões para o serviço. Pelas nossas palestras construtivas, portanto, receberemos também a remuneração devida à cooperação normal”. “Para trabalharmos com eficiência é preciso saber calar antes de tudo”.

6. “A eletricidade e o magnetismo são duas correntes poderosas que começam a descortinar aos nossos irmãos encarnados alguma coisa dos infinitos potenciais do invisível, mas ainda é cedo para cogitarmos de êxito completo. Somente aos homens de sentidos espirituais desenvolvidos é possível revelar alguns pormenores das paisagens sob nossos olhos. É da Lei, que não devemos ver senão o que possamos observar com proveito”.

7. CALÚNIA: “A calúnia é um monstro invisível, que ataca o homem através dos ouvidos invigilantes e dos olhos desprevenidos”.

8. A MORTE: “A morte física, na Terra, não é igualmente pura impressão? Ninguém desaparece. O fenômeno é apenas de invisibilidade ou por vezes de ausência”.

9. “Os laços consangüíneos são edificantes, mas, acima deles, vibra a família universal”.

10. “A crença na vida superior é atividade incessante da alma. A ferrugem ataca a enxada ociosa. O entorpecimento invade o Espírito vazio de ideal criador”. “A fé sincera é ginástica do Espírito”.

11.CONDUTA NAS PRECES COLETIVAS “Repetir, em pensamento, cada expressão, a fim de imprimir o máximo ritmo e harmonia ao verbo, ao som e à idéia, numa só vibração”.

12. “Na prece encontramos a produção avançada de elementos-força. Eles chegam da Providencia em quantidade igual para todos os que se dêm ao trabalho divino da intercessão, mas cada Espírito tem uma capacidade diferente para receber. Essa capacidade pede a conquista individual para o mais alto. E como Deus socorre o homem pelo homem e atende a alma pela alma, cada um de nós somente poderá auxiliar os semelhantes e colaborar com o Senhor, com as qualidades de elevação já conquistadas na vida”.

“Não há prece sem resposta. E a oração, filha do amor, não é apenas súplica. É comunhão entre o Criador e a criatura, constituindo, assim, o mais poderoso influxo magnético que conhecemos...”. "Sobre os que oram nessas tarefas benditas, fluem, das esferas mais altas, os elementos-força que vitalizam nosso mundo interior, edificando-nos as esperanças divinas, e se exteriorizam, em seguida, contagiados de nosso magnetismo pessoal, no intenso desejo de servir com o Senhor”.

“O Pai visita os filhos necessitados, através dos filhos que procuram compreendê-lo. Não poderíamos abusar do Senhor, como abusamos no círculo terrestre dos nossos pais humanos. Não vive Ele, o Senhor, ao sabor de nossos caprichos pessoais. Nunca poderia vir, em pessoa, enxugar o pranto do necessitado que chora, em conseqüência, aliás, do olvido das Divinas Leis. Compete ao necessitado caminhar ao reencontro Dele. O Senhor, todavia, atende sempre a todos os homens de Boa Vontade, por intermédio dos homens bons, que se edificam na casa divina. Todos os nossos desejos e impulsos razoáveis são atendidos pelas bênçãos paternais do Eterno.... apenas devemos salientar que as respostas de Deus vão sendo maiores e mais diretas, à medida que se intensifique o nosso merecimento, competindo-nos reconhecer que, para semelhantes respostas, são utilizados todos quantos trazem consigo a luz da bondade, ou já possuam mérito e confiança para auxiliar em nome de Deus”.

13. “O sentimento elevado é sempre um caminho reto para nossa alma; todavia, não podemos dizer o mesmo, a respeito do sentimentalismo cultivado no círculo da Crosta... A saudade que fere, impedindo-nos de atender à Vontade Divina, não é louvável nem útil”.

14.. “Os que gemem e sofrem, em qualquer parte, estão melhorando”.

“Cada um de nós traz, nos caminhos da vida, os arquivos de si mesmo”.

“... Estamos num campo de batalha, com a Paz de Jesus... No exterior, o trabalho é rigoroso e incessante, mas, dentro de nós, existe uma tranqüilidade que nós mesmos dificilmente podemos compreender”.

15. “... A pobreza é uma das melhores oportunidades de elevação, ao nosso alcance”.

16. “Na pobreza, é mais fácil encontrar a amizade sincera, a visão da assistência de Deus, os tesouros da natureza, a riqueza das alegrias simples e puras”.

17. “Cada prece do coração constitui emissão eletromagnética de relativo poder”. “O homem que ora traz consigo inalienável couraça”.

18. “No que concerne à cura real, somos forçados a reconhecer que essa pertence exclusivamente ao homem-espírito”. “A existência terrestre é gloriosa oportunidade para os que se interessam pelo conhecimento e elevação de si mesmos. E, por esta mesma razão, ensinamos a necessidade da fé religiosa entre as criaturas humanas. Desenvolvendo essa campanha, não pretendemos intensificar as paixões nefastas dos sectarismos, mas criar um estado positivo de confiança, otimismo e ânimo sadio na mente de cada companheiro encarnado”.

19. “A boa concentração exige vida reta. Para que nossos pensamentos se congreguem uns aos outros fornecendo o potencial de nobre união para o bem, é indispensável o trabalho preparatório de atividades mentais na meditação de ordem superior”.

COMENTÁRIOS

Os filhos são aquelas personalidades com as quais já convivemos em outras fases de nossa longeva vida pelas bênçãos da reencarnação nas expressões de outros graus de parentescos em que nos acumpliciamos, ou nos envolvemos em desditas ou firmamos propósitos de amor. São frutos de sua ansiedade pela vida independente em busca de sua individuação.

“A caridade não concorda com o erro”.

Estamos no limiar do III Milênio, A Nova Era, A Era Holística, em que somente os seres humanos que busquem estoicamente o autoconhecimento e a espiritualização comporão a sociedade Moderna, a Cristocracia.

A Fé raciocinada é antídoto contra o fundamentalismo e o fanatismo.

Sofrer (morrer de saudade) de saudade é depressão ou egoísmo ou outra anomalia do psiquismo, infantilismo espiritual. Temos saudade do que prezamos e amamos do que nos faz ou fez feliz sentir saudade do que nos faz bem é saudável e a pessoa recebe as nossas vibrações de reconhecimento.

A Ideal Religião a do Otimismo derrubando aqueles princípios da culpa do inferno do castigo eterno; demonstrando que tudo são experiências de aprendizado e que temos oportunidades de sempre recomeçar a cada momento.

DA OBRA, MISSIONÁRIOS DA LUZ

1.A EPÍFISE: “As glândulas genitais segregam os hormônios do sexo, mas a glândula pineal, se me posso exprimir assim, segrega ‘hormônios psíquicos’ ou ‘unidades-força’ que vão atuar, de maneira positiva, nas energias geradoras”.

2. “Cada célula física é instrumento de determinada vibração mental. Todos somos herdeiros do Pai que cria, conserva, aperfeiçoa, transforma ou destrói e, diariamente, com o nosso potencial gerador de energias latentes, estamos criando, renovando, aprimorando ou destruindo alguma coisa... cada filho de Deus deve ser o médico de si mesmo e até à plena aceitação desta verdade com as aplicações de seus princípios, a criatura estará sujeita a incessantes desequilíbrios”.

3.“O Lar não é somente a moradia dos corpos, mas, acima de tudo, a residência das Almas”.

4. PRECE: “A Oração é o mais eficiente antídoto do vampirismo. A prece não é movimento mecânico de lábios, nem disco de fácil repetição no aparelho da mente. É vibração, energia, poder. A criatura que ora mobiliza as próprias forças, realiza trabalhos de inexprimível significação... Dentro dessa realização o Espírito, em qualquer forma, pode emitir raios de espantoso poder”.

5. ACRESCIMO DE MISERICÓRDIA: “Receber auxílio do bem não quer dizer que o beneficiado seja bom...”. “Toda a cooperação exterior pode ser interrompida e cada filho de Deus é herdeiro de possibilidades sublimes e deve funcionar como médico vigilante de si mesmo”.

6. “Os raios solares, nas horas diurnas, destroem grande parte das criações mentais inferiores dos doentes em estado melindroso, não acontecendo o mesmo à noite, quando o magnetismo lunar favorece as criações de qualquer espécie, boas ou más”.

7. “No leito da morte as criaturas são mais humanas e mais dóceis”. “A dor vai derrubando as pesadas muralhas da indiferença, do egoísmo cristalizado e do amor-próprio excessivo”.

8. “Se desejais a presença dos bons, tornai-vos bondosos por vossa vez!”

9. “Desligai-vos do excessivo verbalismo sem obras!... muito particularmente, das construções silenciosas da renúncia, do trabalho de cada dia no entendimento de Jesus-Cristo, da paciência, da esperança, do perdão, que se efetuam portas adentro da Alma, no grande país de nossas experiências inferiores!” VERIFICAR.

10. “Transforme o remorso em propósito de regeneração”.

11. CONSOLAÇÃO E VERDADE: “Somente são dignos da verdade plena os que se encontrem plenamente libertados das paixões”. “Existem pessoas profundamente bondosas, sem, no entanto, haverem alcançado o propicio domínio; antes são possuídas pelas emoções”. “Em vista disso, de modo algum poderíamos dar o conhecimento completo de alguns assuntos. Estão preparadas para a consolação, não para a verdade”.

12.”Haverá mais alegria em mostrar a sombra do crime, que em descobrir a fonte do conforto?... a vida pede discernimento! Cada palavra tem ocasião, como cada revelação o seu tempo! Não podemos compreender um serviço de socorro com o esmagamento do suplicante”.

13. “Que nos interessa descobrir criminosos, quando não podemos levantar-lhe o corpo físico? Em nossa preocupação de punir culpados, sem dar conta de nossas próprias culpas, iremos ao absurdo de desejar ser mais justos que o próprio Deus?”. 14. COMPLETISTA: “Título que designa os raros irmãos que aproveitaram todas as possibilidades construtivas que o corpo terrestre lhes oferecia. Em geral, quase todos nós, em regressando à esfera carnal, perdemos oportunidades muito importantes no desperdício das forças fisiológicas. Perambulamos por lá, fazendo alguma coisa de útil para nós e para outrem, mas, por vezes, desprezamos cinqüenta, sessenta, setenta, por cento e freqüentemente, até mais de nossas possibilidades”. “Espíritos amadurecidos, mormente quando chegam à situação de completistas, abandonam a toda experiência que os possa distrair no caminho de realização da Vontade Divina”.

15.RECATO: “A sedução carnal é imenso perigo, não só para aqueles que emitem a sua influenciação, como também para quantos a recebem”. “Todos os órgãos são subordinados à ascendência moral”.

16. “A justiça divina nunca foi exercida sem amor. E quando a fidelidade sincera ao Senhor permanece viva no coração dos homens, há sempre lugar para o acréscimo de misericórdia a que se referia Jesus em seu apostolado”.

17.”Os Espíritos Superiores colhem os valores da Divindade. Substituem as palavras união sexual por união de qualidades. Essa União de qualidades, entre os astros chama-se magnetismo planetário da atração, entre as almas denomina-se amor, entre os elementos químicos é conhecida por afinidade...”.

18.UNIÃO DE QUALIDADES: “Quem foge ao bem é defrontado pelo crime; quem foge à ordem, cai no desequilíbrio. As uniões sexuais, portanto, que se efetuam a distancia desses sublimes imperativos, transformam-se em causas geradoras de sofrimento e perturbação. Ao demais, não devemos esquecer que o sexo, na existência humana, pode ser um dos instrumentos do amor, sem que o amor seja o sexo. Por isso mesmo, os homens e as mulheres, cuja alma se vai libertando dos cativeiros da forma física, escapam, gradativamente, do império absoluto das sensações carnais. Para eles, a união sexual orgânica vai deixando de ser uma posição, porque aprendem a trocar os valores divinos da alma, entre si, alimentando-se reciprocamente, através de permutas magnéticas, não menos valiosas para os setores da Criação infinita, gerando realizações espirituais para a eternidade gloriosa, sem qualquer exigência dos atritos celulares. Para esse gênero de criaturas, a união reconfortadora e sublime não se acha”. Circunscrita”. a emotividade de alguns minutos, mas constitui a integração de alma com alma, através da vida inteira, no campo da Espiritualidade Superior. Diante dos fenômenos da presença física, bastam-lhes, na maioria das vezes, olhar, a palavra, o simples gesto de carinho e compreensão, para que recebam o magnetismo criador do coração amado, impregnando-se de força e estímulo para as mais difíceis edificações”. “Não há criação sem fecundação. As formas físicas descendem das uniões físicas. As construções espirituais procedem das uniões espirituais. A obra do Universo é filha de Deus. O sexo, portanto, como qualidade positiva ou passiva dos princípios e dos seres, é manifestação cósmica em todos os círculos evolutivos, até que venhamos a atingir o campo da Harmonia Perfeita, onde essas qualidades se equilibram no seio da Divindade”.

19. “... A criatura terrena herda tendências e não qualidades. As primeiras cercam o homem que renasce, desde os primeiros dias de luta, não só em seu corpo transitório, ms também no ambiente geral a que foi chamado a viver, aprimorando-se; as segundas resultam do labor individual da alma encarnada, na defesa, educação e aperfeiçoamento de si mesma nos círculos benditos da experiência”.

20. “Para os círculos da mulher é tão fácil a ambientação das forças criativas, como é natural para o homem a manutenção da atitude patriarcal e protetora, enquanto perdura a existência dos laços paternais”.

21. “No lar, na via pública, no trabalho, nas diversões, cada criatura recebe o alimento mental que lhe é trazido por aqueles com quem convive, temperado com o magnetismo pessoal, de cada um. Dessa alimentação dependem, na maioria das vezes, mormente para à imensa percentagem de encarnados que ainda não alcançaram o domínio das próprias emoções, os estados íntimos de felicidade ou desgosto, de prazer ou sofrimento. ... Absorve matéria mental em, todas as horas do dia, ambientando-a dentro de si mesmo, nos círculos mais íntimos da própria estrutura fisiológica”.

22. “... Nossa missão é de amparar os que erraram e não de fortalecer os erros”.

COMENTÁRIOS

Penso que os missionários de todas as religiões Constituídas, Todas as Organizações de caridade, Igrejas Fundações deveriam aplicar-se esses Conceitos. Prender Homens para Deus e condenar o Crime, não o criminoso.

“Crescei e multiplicai-vos, enchei a terra”, isto é, de conhecimento de si, aquisição de cultura e capacidades, promoção de progresso através da criação nos campos das artes, das ciências, das filosofias, em todas as esferas de utilidade, enfim.

DA OBRA ‘OBREIROS DA VIDA ETERNA’

1.“Ninguém morre. O aperfeiçoamento prossegue em toda parte”.

2.“Depois do túmulo, há simplesmente continuação da vida. Céu e inferno residem dentro de nós mesmos”.

3.“Há que ordenar as palavras e selecioná-las, criando-se campo favorável aos nossos propósitos de serviço”. 4. “A palavra dita a seu tempo é maçã de ouro em cesto de prata”.

4. “È lamentável se dê tão escassa atenção, na Crosta da Terra, ao poder do verbo, atualmente tão desmoralizado entre os homens”.

5. “Não se precatam nossos irmãos em Humanidade de que o verbo está criando imagens vivas, que se desenvolvem no terreno mental a que são projetadas, produzindo conseqüências boas ou más”.

6. PSIQUIATRAS: “Com exceção de raríssimos casos, todas as anomalias de ordem mental se derivam dos desequilíbrios da alma”. “Se os psiquiatras modernos penetrassem o segredo de semelhantes fatos, iniciariam a aplicação de nova terapêutica à base dos sentimentos cristãos, antes de qualquer recursos à hormonioterapia e à eletricidade”.

7. “Os complexos de inferioridade, o recalque, a libido, as emersões do subconsciente não constituem atores adquiridos no curto espaço de uma existência terrestre e, sim, característicos da personalidade egressa das experiências passadas. A Subconsciência é, de fato, o porão dilatado de nossas lembranças, o repositório das emoções e desejos, impulsos e tendências que não se projetaram na tela das realizações imediatas; no entanto, estende-se muito além da zona limitada do tempo em que se move um aparelho físico. Representa estratificação de todas as lutas com as aquisições mentais e emotivas que lhes foram conseqüentes, depois da utilização de vários corpos... A localização dos distúrbios nervos... encontra-se quase que invariavelmente no corpo perispiritual preexistente, portador de sérias perturbações congênitas, em virtude das deficiências de natureza moral cultivadas com desvairado apego, pelo reencarnante, nas existências transcorridas”.

8. A fixação Mental só é quebrada com as vibrações fortes da reencarnação que enseja oportunidades de ressarcimentos e reconciliações com as bênçãos dos esquecimentos junto aos inimigos, desafetos e antipatias.

9. “O inferno é construção mental em nós mesmos”.

10. “Ninguém auxilia por intermédio da irritação pessoal”.

11. “As concepções inferiores de nosso ‘eu’ também se cristalizam, impedindo a penetração da luz em nosso campo interno”.

12. “O plano impressivo da mente grava as imagens dos preconceitos e dogmas religiosos com singular consistência“.

13. EDUCAÇÃO: “No estado atual da educação humana, é muito difícil alimentar, por mais de cinco minutos, a conversação digna e cristalina, numa assembléia superior a três criaturas encarnadas”.

14. “Cada qual de nós é, por si mesmo, todo um mundo. Esclarecimentos e consolações são dádivas de Deus, Nosso Pai, mas convicções e realizações constituem obra nossa”.

15.Morrer todos os dias para as realizações inferiores. A retenção dos missionários do Bem é manifestação do egoísmo e do medo.

16. “Todos nós experimentamos a solidão nos grandes momentos de aferir valores espirituais”.

17. “Cada um é por si mesmo um mundo”.

18. “Semeia-se corpo animal, ressuscitará corpo espiritual. Há corpo animal, e há corpo espiritual”.

19. “Criaturas perversas não ameaçam, almas prudentes. Concedeu-nos o Senhor bastante luz espiritual para discernir. Você jamais poderá ser vítima de exploradores inconscientes, porque o Evangelho de Jesus está colocado diante de seus olhos para iluminar o caminho escolhido”.

COMENTÁRIOS

Que o Bem saia da boca de quem fala para os ouvidos de quem ouve.

DA OBRA “NO MUNDO MAIOR”

1.“... O surto de inteligência moderna, que embate na paralisia do sentimento, periclita a razão”.

2.“Não basta crer na imortalidade da alma. Inadiável é a iluminação de nós mesmos, a fim de que sejamos claridade sublime”.

3.“Faz-se, pois, mister acendamos o coração em amor fraternal, à frente do serviço. Não bastará, em nossas realizações a crença que espera; indispensável é o amor que confia e atende, transforma e eleva, como vaso legítimo da Sabedoria Divina”.

4.“O cérebro é o instrumento que traduz a mente manancial de nossos pensamentos”.

4. CASA MENTAL

SUBCONSCIENTE SISTEMA-NERVOSO

CONSCIENTE CORTEX-MOTOR

SUPERCONSCIENTE LOBOS-FRONTAIS

IMPULSOS AUTOMÁTICOS

CONQUISTAS ATUAIS

NOÇÕES SUPERIORES

HÁBITOS E AUTOMATISMOS, IMPULSOS.

ESFORÇOS E A VONTADE, EXPERIÊNCIAS.

IDEAL E METAS SUPERIORES, NOÇÕES AVANÇADAS, ELEVADAS DA PERSONALIDADE FUTURA.

PASSASDO

PRESENTE

FUTURO

CÉREBRO INICIAL, INSTINTOS, REPOSITÓRIOS DOS IMPULSOS, PORÃO; ARQUIVO DAS EXPERIÊNCIAS.

ENERGIAS MOTORAS PARA O MOMENTO EVOLUTIVO.

MATÉRIAS SUBLIMES A EMPREENDIMENTOS NOBRES.

5. PERISPÍRITO: “Todo o campo nervoso da criatura constitui a representação das potências perispiríticas, vagarosamente conquistadas pelo ser, através de milênios e milênios”.

6. “O cérebro real é aparelho dos mais complexos, em que o nosso ‘eu’ reflete a vida”.

7. “Existe a química-fisiológica, termos também a quimica-espiritual, como possuímos a orgânica e a inorgânica, existindo extrema dificuldade em definir-lhes aos pontos de ação independente. Quase impossível é determinar-lhes a fronteira divisória, porquanto o espírito mais sábio não se animaria a localizar, com afirmações dogmáticas, o ponto onde termina a matéria e começa o espírito”. “No cérebro porem inicia-se o império da quimica-espiritual. Os elementos celulares, aí, são dificilmente substituíveis. (Mas podendo sê-lo.)”.

8. A paisagem delicada e superior são sempre a mesma, porque o trabalho da alma requer fixação, aproveitamento e continuidade. ... O órgão de expressão mental, contudo, reclama personalidades químicas de tipo sublimado, por alimentar-se de experiências que devem ser registradas, arquivadas e lembradas sempre que oportuno ou necessário. Intervém, então, a química superior, dotando o cérebro de material insubstituível em muitos departamentos de seu laboratório íntimo”.

9. “... O princípio espiritual, desde o obscuro momento da criação, caminha sem detença para frente. Afastou-se do leito oceânico, atingiu a superfície das águas protetoras, moveu-se em direção à lama firme, experimentou na floresta copioso material de formas representativas, ergueu-se do solo, contemplou os céus e, depois de longos milênios, durante os quais aprendeu a procriar, alimentar-se, escolher, lembrar e sentir conquistou a inteligência. Viajou do simples impulso para a irritabilidade, da irritabilidade para a sensação, da sensação para o instinto, do instinto para a razão. Nessa penosa romagem, inúmeros milênios decorreram sobre nós. Estamos, em todas as épocas, abandonando esferas inferiores, a fim de escalar as superiores. O cérebro é o órgão sagrado de manifestação da mente, em trânsito da animalidade primitiva para a espiritualidade humana”. “Porque motivo não conserva o homem encarnado a plenitude das recordações do longuíssimo pretérito; isso é natural, em virtude da tão grande ascendência do corpo perispiritual sobre o mecanismo fisiológico... Os nervos, o córtex motor e os lobos frontais, que ora examinamos, constituem apenas regulares pontos de contacto entre a organização perispiritual e o aparelho físico, indispensáveis, uma e outro, ao trabalho de enriquecimento e de crescimento do ser eterno. Em linguagem mais simples, são respiradouros dos impulsos, experiências e noções elevadas da personalidade real que não se extingue no túmulo, e que não suportariam a carga de uma dupla vida”.

10. “Todos os homens conservam tendências e faculdades, que quase equivalem a efetiva lembranças do passado”.

11. “De Puysegur foi dos primeiros magnetistas que encontraram o sono revelador, em que era possível conversar com o paciente noutro estado consciencial que não o comum... terapêutica para tratamento das moléstias nervosas e mentais”.

12. “... cala o dom de falar quando não puderes servir ao Bem”.

13. “A mente desvairada emite forças destrutivas, que, se podem atingir aos outros, alcançam, em primeiro lugar, o cosmo orgânico do emissor”.

14. “Nos lobos frontais recebemos os estímulos do futuro, no córtex abrigamos as sugestões do presente, e, no sistema nervoso propriamente dito, arquivamos as lembranças do passado”.

15. “Por volta dos 14 anos de idade física consolidamos a posse do patrimônio físico”.

16. “Residência dos princípios nobres, na região mais alta da personalidade, pelo hábito da oração, pelo atendimento fraterno, pela prática do bem e pela espiritualidade superior; aos doentes limita a desarmonia neuropsíquica e reduz a disfunção celular”.

17. “O organismo perispirítico arquiva a lembrança fiel dos atritos experimentados fora do veículo denso. Ao nos aproximarmos de velhos desafetos experimentamos choques psíquicos”.

18. “Temos milhões de pessoas irascíveis que, pelo hábito de se se encolerizarem facilmente, viciam os centros nervosos fundamentais pelos excessos da mente sem disciplina, convertendo-se em portadores do pequeno mal, em dementes precoces, em neurastênicos de tipos diversos ou em doentes de franjas epiléticas, que andam por aí, submetidos à hipoglicemia insulínica ou ao metrazol... Educação para a correção das próprias atitudes internas no ramerrão da vida, lhes seria tratamento mais eficiente e adequado, pois regenerativo e substancial”.

19. “Os hipnóticos são úteis só na áspera fase de absoluta ignorância mental”.

20. SEXO: “No exame das causas das loucuras, entre individualidades, sejam encarnadas, sejam ausentes da carne, a ignorância à conduta sexual é dos fatores mais decisivos”. “Os enigmas do sexo não se reduzem a meros fatores fisiológicos”. “Feminilidade e masculinidade constituem a característicos das almas acentuadamente passivas ou francamente ativas”.

21. SEXO: “A genética, mais hoje, mais amanhã, poderá interferir nas câmaras secretas da vida humana, perturbando a harmonia dos cromossomos, no sentido de impor o sexo ao embrião; todavia, não atingirá a zona mais alta da mente feminina ou masculina, que manterá característicos próprios, independentemente da forma exterior ou das convenções estatuídas”. “Mais de a metade dos milhões de espíritos encarnados na Crosta da Terra, de mente fixa na região dos movimentos instintivos, concentram suas faculdades no sexo, do qual se derivam naturalmente os mais vastos e freqüentes distúrbios nervos”. “... Havendo conquistado a razão, acima do instinto, permanecem nos desatinos da prepotência, seduzidas pelo capricho autoritário, famintas de evidencia e realce, ainda que atidas a trabalho proveitoso e a paixões nobres muitas vezes...”. “A esquizofrenia origina-se de sutis perturbações do organismo perispirítico”.

22. LOUCURA: “Excetuados os casos puramente orgânicos, o louco é alguém que procurou forçar a libertação do aprendizado terrestre, por indisciplina ou ignorância. Temos neste domínio um gênero de suicídio habilmente dissimulado, a autoeliminação da harmonia mental, pela inconformação da alma nos quadros de luta que a existência humana apresenta”.

COMENTÁRIOS

22. Louco é alguém que está fora da realidade.

23. O Espírito A Luis faz referências aos símios a caminho da ligação com o gênero humano, apresentam cérebros absolutamente iguais entre si. Ligação transmutação que se dá no mundo espiritual mais ou menos próximo da Crosta, dentro da sua esfera magnética.

24. Comentários semelhantes fizeram os Drs Sérgio Tavares e Marilene Guiot, cientistas pesquisadores de terapias do sono na UNB, quando de uma palestra sobre o sono na Casa de Ismael em Brasília-DF.

25. Após o que para a angelitude e para cima nada sabemos...

É impossível uma psiquiatria de sucesso sem as sólidas noções do espírito.

26..."Segue-se o ”sexo na Superconsciência” o idealismo superior em que não necessitamos mais do contentamento do corpo físico ou na evidencia pessoal. (adaptação nossa).

DA OBRA “LIBERTAÇÃO”

1. “O Espírito humano lida com a razão há 40.000 anos”.

2. “O espírito encarnado respira numa zona de vibrações mais lentas, enfaixado num veículo constituído de trilhões de células que são outras tantas vidas microscópicas inferiores...”.

3. “Nossa mente é uma entidade colocada entre forças inferiores e superiores, com objetivos de aperfeiçoamento”.

4. “Quando a criatura busca manejar a própria vontade, escolhe a companhia que prefere e lança-se ao caminho que deseja”.

5. “Alimentamo-nos na Criação com os raios de vida imperecível que emitimos uns para com os outros”.

6. “Prece: reabastecimento psíquico”.

7. “Cada mente vive na companhia que elege”.

8. “O remorso é uma bênção, sem dúvida, por levar-nos a corrigenda, mas também é uma brecha, através da qual o credor se insinua, cobrando pagamento. A dureza coagula-nos a sensibilidade durante certo tempo; todavia, sempre chega um minuto em que o remorso nos descerra a vida mental aos choques de retorno das nossas próprias emissões”.

9. “O hipnotismo é tão velho quanto o mundo e é recurso empregado pelos bons e pelos maus, tomando-se por base acima de tudo, os elementos plásticos do perispírito”.

10. “A imaginação enseja processos patológicos para fugir ao serviço benéfico e salvador”.

11. “O homem encarnado vive simultaneamente em três planos diversos. Assim como ocorre à árvore que se radica no solo, guarda ele raízes transitórias na vida física; estende os galhos dos sentimentos e desejos nos círculos de matéria mais leve, quanto o vegetal se alonga no ar; e é sustentado pelos princípios sutis da mente, tanto quanto a árvore é garantida pela própria seiva. A árvore, temos raiz, copa e seiva por três processos diferentes de manutenção para a mesma vida e, no homem, vemos corpo denso de carne, organização perispirítica em tipo de matéria mais rarefeita e mente, representando três expressões distintas de base vital, vistas aos mesmos fins”.

12. “Em todos os quadros do Universo, somos satélites uns dos outros. Os mais fortes arrastam os mais fracos, entendendo-se, porém, que o mais frágil de hoje pode ser a potencia mais alta de amanhã, conforme nosso aproveitamento individual. Expedimos raios magnéticos e recebemo-los ao mesmo tempo”.

13. “... tive notícias de amigos que perderam o veículo perispiritual, conquistando planos mais elevados”.

14. “O homem e a mulher, com seus pensamentos, atitudes, palavras e atos criam, no íntimo, a verdadeira forma espiritual a que se acolhem”.

15. “O Lar do mundo não é tão somente um asilo de corpos que o tempo transformará. É igualmente o ninho das almas, onde o espírito pode entender-se com o espírito, quando o sono sela os lábios da carne, susceptíveis de mentir”.

16. “O sentimento de culpa possui forças desintegrantes”.

17. “O pensamento é, sem dúvida, força criadora de nossa própria alma e, por isso mesmo, é a continuação de nós mesmos. Através dele atuamos no meio em que vivemos e agimos, estabelecendo o padrão de nossa influencia, no bem ou no mal”.

18. “O maior criminoso pode abreviar longos anos de pena entregando-se ao resgate próprio, através do serviço benéfico aos semelhantes”.

19. “Somos cada um de nós, um imã de elevada potencia ou um centro de vida inteligente, atraindo forças que se harmonizam com as nossas e delas constituindo nosso domicílio espiritual”.

DA OBRA “AÇÃO E REAÇÃO”

1. “Homens há, feras humanas, que não se acomodam com o refúgio moral de qualquer princípio nobre. Trazem o íntimo turbilhonado e tenebroso, qual a própria tormenta, em razão dos pensamentos desgovernados e cruéis de que se nutrem. Odeiam e aniquilam, mordem e ferem. Há necessidade de sofrerem as provações de fora para dentro, refundindo a alma, pouco a pouco, tranqüilizando-se para abraçarem, por fim, as responsabilidades que criaram para si mesmas”.

2. “O inferno está na maldade calculada”.

3. “O véu temporário do esquecimento faculta-nos encontrar velhos inimigos, padecendo-lhes a antipatia e a incompreensão, com humildade e amor”.

4. “A culpa, é sempre uma nesga de sombra eclipsando-nos a visão”.

5. “Imaginemos a mente como sendo um lago. Se as águas se acham pacificadas e límpidas, a luz do firmamento pode retratar-se nele com segurança”.

6. Sob a hipnose nossa memória pode regredir e recuperar-se por momentos. Isso, porém, é um fenômeno de compulsão...”.

7. “Crise de angústia e rebeldia poderá ser loucura por telepatia alucinatória”. Obsessão.

8. “Existem reencarnações ligadas aos planos superiores e aos inferiores”.

9. “A dor no veículo físico é um acontecimento real no encéfalo, mas puramente imaginário no órgão que supõe experimentá-la”.

10. CLICHÊ MENTAL: “As idéias macabras da magia aviltante, quais sejam as da bruxaria e do demonismo que as igrejas denominadas cristãs propagam, a pretexto de combatê-los, mantendo crendices e superstições, ao preço de conjurações e exorcismos, geram imagens, clichês mentais, a se difundirem nos cérebros fracos e desprevenidos, estabelecendo epidemias de pavor alucinatório. As inteligências desencarnadas entreguem a perversão, vale-se desses quadros mal contornados que a literatura feiticista ou a pregação invigilantes distribuem na Terra, a mancheias, e imprimem-lhes temporária vitalidades, assim como um artista do lápis se aproveita dos debuxos de uma criança tomando-os por base dos desenhos seguros com que passa a impressionar o ânimo infantil”.Enigmas da obsessão.

11. Pensamos que as terapias Espíritas devem pugnar por “libertar os entes humanos de todas as expressões perturbadoras da vida íntima. Tudo o que nos escravize à ignorância e à miséria, à preguiça e ao egoísmo, à crueldade e ao crime é fortalecimento da treva contra a luz e do inferno contra o céu”.

12. “Imaginemos o pensamento, força viva e atuante emitido por nós, volta inevitavelmente a nos mesmos, compelindo-nos a viver, de maneira espontânea, em sua onda de formas quando alimentadas pelo combustível do nosso desejo ou de nossa atenção”.

13. Energias atraem energias da mesma natureza, e, quando estacionários na viciação ou na sombra, as forças mentais que exteriorizamos retornam ao nosso espírito, reanimadas e intensificadas pelos elementos que com elas se harmonizam, engrossando, dessa forma, as grades da prisão em que nos metemos irrefletidamente, convertendo-se-nos a alma num mundo fechado, em que as vozes e os quadros de nossos próprios pensamentos, acrescidos pelas sugestões daqueles que se ajustam ao nosso modo de ser, nos impõem reiteradas alucinações, anulando-nos, de modo temporário, os sentidos sutis”.

14. “Todas as criaturas vivem cercadas pelo halo vital das energias que lhes vibram no âmago do ser...”.

15. “Nas esferas primárias da evolução, o determinismo pode ser considerado irresistível...”.”Mas na consciência humana, a razão e a vontade, o conhecimento e o discernimento entram em função nas forças do destino, conferindo ao Espírito as responsabilidades naturais que deve possuir sobre si mesmo”.

16. “A maioria das pessoas encarnadas no mundo, ao atingirem a idade provecta, habitualmente se confiam, nas últimas fazes da existência, à ponderação e à meditação, à serenidade e à doçura”. “Todos possuímos, além, dos desejos imediatista comuns, em qualquer fase da vida, um ‘desejo-central’ ou ‘tema-básico’ dos interesses mais íntimos. Por isso, além dos pensamentos vulgares que nos aprisionam as experiências rotineiras, emitem com mais freqüência os pensamentos que nascem do desejo-central que no caracteriza, pensamentos esses que passam a constituir o reflexo dominante de nossa personalidade”.

17. Transceptamos imagens, processo “até certo ponto análogo aos princípios dominantes na tv, no reino da eletrônica. Sabemos que cada um de nós é um fulcro gerador de vida, com qualidades especificas de emissão e recepção”.

18. “Aqueles que amam realmente, governam a vida”.

19. “Precisamos reconhecer que todos criamos o destino ou renovamo-lo, todos os dias”.

19. “Até que a alma obtenha a Sabedoria Infinita é indispensável caminhe na longa estrada dos símbolos de alfabetização e cultura que a dirigem na senda de elevação intelectual, e, até que atinja o Infinito Amor, é necessário palmilhe as longas rotas da caridade e da fé religiosa, nos múltiplos departamentos da compreensão que lhe assegura o acesso à Vida Superior”.

20. “Para mãos dignas jamais faltará trabalho digno”.

21. Para a doutrina de Freud, somente faltou o estudo da Lei de reencarnação.

22. “O sexo, na essência, é a soma das qualidades passivas ou positivas do campo mental do ser, é natural que o Espírito acentuadamente feminino se demore séculos e séculos nas linhas evolutivas da mulher, e que o espírito marcadamente masculino se detenha por longo tempo nas experiências do homem. Contudo, em muitas ocasiões quando o homem tiraniza a mulher, furtando-lhe os direitos e cometendo abusos, em nome de sua pretensa superioridade, desorganiza-se ele próprio a tal ponto que, inconsciente e desequilibrado, é conduzido pelos agentes da Lei Divina a renascimento doloroso, em corpo feminino”, para que, no extremo desconforto íntimo aprenda a dignificar a mulher; ocorrendo idêntica situação com a mulher.

23. “Quando a nossa dor não gera novas dores e nossa aflição não cria aflições naqueles que nos rodeiam, nossa dívida está em processo de encerramento”.

24. “Na hipótese de serem surdos ao bem, é possível se rendam às sugestões do mal, a fim de que, pelos tormentos do mal, se voltem para o bem”.

25. No socorro a vítimas de desastres “não seria justo atormentá-las com pensamentos de temor e flagelação, quando através do bem, sentido e praticado, podemos arredar de nossos horizontes as nuvens de sofrimento prováveis”.

26. “Da mente clareada pela razão, sede dos princípios superiores que governam a individualidade, partem as forças que asseguram o equilíbrio orgânico...”.

27. “Às vezes interessamo-nos vivamente pela sublimação do próximo, olvidando a melhoria de nós mesmos”.

COMENTÁRIOS

28. Crise moral! Remorso! Porque! Por que, se o homem esta predisposto a se mancomunar com o delito?

É que o homem é essencialmente bom, então esta força divergente ocasiona umas repulsões morais, que enseja as crises morais que deságuam na consciência culposa e no remorso...

Admirável Lei que nos convida a Reforma de Dentro para fora.

29. As “circunstancias reflexas” dão azo a recônditos desequilíbrios emocionais.

30. Mentes levianas infantis continuam irresponsáveis.

31. Daí, cada um ser tentado exteriormente pela tentação que alimenta em si próprio e intuído ou inspirado para o bem de acordo com o seu tema-básico.

32. Abramos os nossos braços à provação e ao sofrimento, mas não à rebeldia e ao desespero.

DA OBRA “EVOLUÇÃO EM DOIS MUNDOS”

1. CONCEITOS DE ALLAN KARDEC: A marcha dos Espíritos é progressiva, jamais retrógrada. No conhecimento do perispírito está a chave de inúmeros problemas até hoje insolúveis. O Espiritismo mostra que a vida terrestre não passa de um elo harmonioso e magnífico conjunto da Obra do Criador. No intervalo das existências o Espírito torna a entrar no mundo espiritual, onde é feliz ou desventurado segundo o bem ou o mal que fez. O Espiritismo e a Ciência se completam reciprocamente; a Ciência, sem o Espiritismo, se acha na impossibilidade de explicar certos fenômenos só pelas leis da matéria; ao Espiritismo, sem a ciência, faltariam apoio e comprovação.

2. “Semeia-se corpo animal, ressuscitará corpo espiritual. Se há corpo animal, há também corpo espiritual”.

3. SEMEAR: “No verbo SEMEAR a idéia da evolução filogenética do ser e, dentro dela, o corpo físico e o corpo espiritual como veículos da mente em sua peregrinação ascensional para Deus

4. CORPO ESPIRITUAL: É o Perispírito. RETRATO DO CORPO MENTAL: “Para definirmos, de alguma sorte, o corpo espiritual, é preciso considerar, antes de tudo, que ele não é o reflexo do corpo físico, porque, na realidade, é o corpo físico que o reflete, tanto quanto ele próprio, o corpo espiritual, retrata em si o corpo mental que lhe preside a formação”.“O corpo mental é o corpo sutil da Mente”.

5. CENTRO CORONÁRIO: “Dele parte a corrente de energia vitalizante formada de estímulos espirituais com ação difusível sobre a matéria mental que o envolve, transmitindo aos demais centros da alma os reflexos vivos de nossos sentimentos, idéias e ações, tanto quanto esses mesmos centros interdependem entre si, imprimem semelhantes reflexos nos órgãos e demais implementos de nossa constituição particular, plasmando em nós próprios os efeitos agradáveis ou desagradáveis de nossa influencia e conduta”.

6. PLASMA CRIADOR DA MENTE: “É pelo fluido mental com qualidades magnéticas de indução que o progresso se faz notavelmente acelerado”.

COMENTÁRIOS

7. Entendo ‘mente’ como Espírito.

8. Esta Obra se caracteriza de excepcional profundidade, pois que existe até mesmo outra especialmente escrita para explicá-la. Os assuntos nela abordados devem ser tratados destacadamente.

DA OBRA “MECANISMOS DA MEDIUNIDADE”

O tema ‘Mediunidade’será abordado especificamente.

1. INDUÇÃO MENTAL: “... A matéria mental é o instrumento sutil da vontade, atuando nas formações da matéria física, gerando as motivações de prazer ou desgosto, alegria ou dor, otimismo ou desespero, que não se reduzem efetivamente a abstrações, por representarem turbilhões de força em que a alma cria os seus próprios estados de mentação indutiva, atraindo para si mesma os agentes(por enquanto imponderáveis na Terra), de luz ou sombra, vitória ou derrota, infortúnio ou felicidade”.

2. FORMAS-PENSAMENTOS: “Emitindo uma idéia, passamos a refletir as que se lhe assemelham, idéia essa que para logo se corporifica, com intensidade correspondente à nossa insistência em sustentá-la, mantendo-nos, assim, espontaneamente em comunicação com todos os que nos esposem o modo de sentir”.

3. CORRENTE DO PENSAMENTO: “... Se a mente está concentrada, fazendo convergir sobre si mesma às próprias oscilações, a força mentocriativa gerada produz uma corrente no campo da personalidade que, a seu turno, provoca a formação de energia mental de sentido análogo àquele em que se exprime o magnetismo de resíduo., dilatando o fluxo Até que a força aludida atinja o seu valor máximo, de acordo com a resistência do campo a que nos referimos (campo elétrico magnético).

4. “Todo o Espírito é fulcro gerador de vida onde se encontre”.

5. “Toda a espécie de vida começa no impulso mental”.

DA OBRA “CONDUTA ESPÍRITA”

1. DA MULHER: “O trabalho da mulher é sempre a missão do amor, estendendo-se ao infinito”. “E respondendo, disse-lhe Jesus: - Marta, Marta, estás ansiosa e afadigada com muitas coisas, mas uma só é necessária; e Maria escolheu a boa parte, a qual não lhe será tirada”.(Lc, 10:41 e 42).

2. DO JOVEM: “Buscar infatigavelmente equilíbrio e discernimento na sublimação das próprias tendências, consolidando maturidade e observação no veículo físico, desde os primeiros dias da mocidade, com vistas à vida perene da alma. Os compromissos assumidos pelo Espírito reencarnante têm começo no momento da concepção”. “Foge também aos desejos da mocidade; e segue a justiça, a fé, o amor e a paz com os que, de coração puro, invocam o Senhor”. Paulo. (II Tim, 2:22).

3. DO DIRIGENTE: “Fugir de julgar-se superior somente por estar na cabine de comando. Não é a posição que exalta o trabalhador, mas sim o comportamento moral com que se conduz dentro dela”. “Como, pois, recebestes o Senhor Jesus-Cristo, assim também andai nele”. - Paulo. (Coloss, 2:7).

4. NO LAR: “Quem cultiva a Evangelho em casa, faz da própria casa um templo do Cristo”. “Aprendam primeiro a exercer piedade para com a sua própria família e a recompensar seus pais, porque isto é bom e agradável diante de Deus”. - Paulo. (I Tim. 5:4).

5. NA VIA PÚBLICA: “Vede prudentemente como andais”. - Paulo. (Efé. 5:15).”

6. Em viagem: “Aquele que anda, imprime sinais por onde passa”. “Andai como filhos da luz”. - Paulo. (Efé. 5:8).

7. NO TRABALHO: “Em nenhuma ocasião, desprezar as ocupações de qualquer natureza, desde que nobres e úteis, conquanto humildes e anônimas. O trabalho recebe valor pela qualidade dos seus frutos”. “Meu Pai trabalha até agora, e eu trabalho também”. - Jesus. (Jô. 5:17).

8. NA SOCIEDADE: “Atender aos supostos felizes ou infelizes, cultos we incultos, com respeito e bondade, distinção e cortesia. A condição social é apenas a apresentação passageira e todos os papéis são permutáveis na sucessão das existências”. “Sigamos, pois, as coisas que contribuem para a paz e para a edificação de uns para com os outros”. - Paulo. (Ro. 14:19).

9. NOS EMPBATES POLÍTICOS: “Nenhum servo pode servir a dois senhores”. Jesus. (Lc. 16:13).

10. NO TEMPLO: “Os aparatos exteriores têm cristalizado a fé em todas as civilizações terrenas”. Porque onde estiverem dois ou três reunidos em meu nome, aí estou eu no meio deles”. - Jesus. (Mt18:20).

11. NA OBRA ASSISTENCIAL: “O trabalho desinteressado sustenta a dignidade e o respeito nas boas obras”. “E quando fizerdes, por palavras ou por obras, fazei tudo em nome do Senhor Jesus, dando por Ele graças a Deus, o Pai. - Paulo. (Coloss. 3:17)”.

12. NA PROPAGANDA: “Uma palavra inadequada pode macular a bandeira mais nobre”. “É necessário que Ele cresça e que eu diminua. João Batista. (Jô. 3:30)”.

13. NA TRIBUNA: “Não saia da vossa boca nenhuma palavra torpe, mas só a que for boa para promover a edificação, para que dê graça aos que a ouvem”. - Paulo. (Efé. 4:29).

14. NA IMPRENSA: “Toda escritura divinamente inspirada é proveitosa...” - Paulo. (IITim. 3:16).

15. NA RADIOFONIA: “Quem sente o que diz, vive o que pensa”. “Tu, porém, fala o que convém à sã doutrina”. - Paulo. (Tito, 2:1).

16. NOS CONCLAVES: “Fazei todas as coisas sem murmurações nem contendas”. - Paulo. (Filipenses, 2:14.).

17. PERANTE NÓS MESMOS: “O Espírita está informado que o acaso não existe”. “Esquivar-se do uso de armas homicidas, bem como do hábito de menosprezar o tempo com defesas pessoais, seja qual for o processo em que se exprimam. O servidor fiel da doutrina possui, na consciência tranqüila, a fortaleza inatacável”. “Examinai-vos a vós mesmos, se permaneceis na fé; provai-vos a vós mesmos”. - PAULO. (II Cor. 13:5).

18. PERANTE OS PARENTES: “Temos na família consangüínea, o teste permanente de nossas relações com a Humanidade”. “Humanidade é a nossa grande família”. “Mas se alguém não tem cuidado dos seus e principalmente dos da sua família, negou a fé e é pior do que o infiel”. - Paulo. (I Tim. 5:8).

19. PERANTE OS COMPANHEIROS: “Nunca fazer acepções de pessoas e nem demonstrar cordialidade fraterna somente em circunstancias que lhe favoreçam conveniência e interesses materiais. A Lei Divina registra o móvel de toda ação”. “Nisto todos conhecerão que sois meus discípulos: se vos amardes uns aos outros”. - Jesus - (Jô. 13:35).

20. PERANTE A CRIANÇA: “a criança sofre de maneira profunda a influencia do meio”. “Deixai vir a mim os meninos, e não os impeçais, porque deles é o reino de Deus”. - Jesus - (Lc. 18:16).

21. PERANTE OS DOENTES: “Procurar com alegria, ao serviço da própria regeneração, o convívio prolongado com parentes ou companheiros atacados pela invalidez, pelo desequilíbrio ou pelas enfermidades pertinazes. O antídoto do mal é a perseverança no bem”. “Em verdade vos digo que, quando o fizestes a um destes meus pequeninos irmãos, a mim o fizestes”. - Jesus. (Mt. 25; 40).

22. PERANTE OS PROFITENTES DE OUTRAS RELIGIÕES: “Silenciar todo impulso a polemicas com irmãos aprisionados a caprichos de natureza religiosa. Discussão, em bases de ironia e azedume, é pancadaria mental”. “Irmãos, não vos queixeis uns contra os outros para que não sejais condenados”. (Tiago, 5:9).

23. PERANTE OS ESPÍRITOS SOFREDORES: “a enfermagem imediata dispensa interrogatório”. “Mas é grande ganho a piedade com contentamento” - Paulo. (I Tim. 6:6).

24. PERANTE OS ME NTORES ESPIRITUAIS: “Amados, não creiais a todo Espírito, mas provai se os espíritos são de Deus”. (I Tim. 4:1).

25. PERANTE A ORAÇÃO: “O sentimento é tudo”. “Vigiai e orai, para que não entreis em tentação”. - Jesus. (Mt. 26:41).

26. PERANTE OS SONHOS: “Admitir os diversos tipos de sonhos, sabendo, porém, que a grande maioria deles se originam de reflexos psicológicos ou de transformações relativas ao próprio campo orgânico”. “E rejeita as questões loucas...”. - Paulo. (IITim. 2: 23).

27. PERANTE A PÁTRIA: “Daí a César o que é de César, e a Deus op que é de Deus”. - Jesus (Lc. 20:25).

28. PERANTE A NATUREZA: “Pois somos cooperadores de Deus”. - Paulo. (I Cor. 3:9).

29. PERANTE OS ANIMAIS: “Os seres da retaguarda evolutiva alinham-se conosco em posição de necessidade ante a Lei”. “Todas as vossas coisas sejam feitas com caridade”. - Paulo. (ICor. 16:14).

30. PERANTE O CORPO: “Por motivo algum, desprezar o vaso corpóreo de que dispõe, por mais torturado que ele seja”. “Na Terra, cada Espírito recebe o corpo de que precisa”. E não o que merece; para nós está reservado o ‘Corpo Espiritual’. “Glorificai, pois, a Deus no vosso corpo, e no vosso espírito, os quais pertencem a Deus”. - Paulo. (I Cor. 6:20).

31. PERANTE A ENFERMIDADE: “Aproveitar a moléstia como período de lições, sobretudo como tempo de aplicação dos valores alusivos à convicção religiosa. A enfermidade pode ser considerada por termômetro da fé”. “Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei”. - Jesus. (Mt. 11:28).

32. PERANTE A DESENCARNAÇÃO: “Aproveitar a oportunidade do sepultamento para orar, ou discorrer sem afetação, quando chamado a isso, sobre a imortalidade da alma e sobre o valor da existência humana. A morte exprime realidade quase totalmente incompreendida na Terra”. “Em verdade, em verdade vos digo que, se alguém guardar a minha palavra, nunca verá a morte. - Jesus (Jô. 8:51)”.

33. PERANTE AS FÓRMULAS SOCIAIS: “Dispensar sempre as fórmulas sociais criadas ou mantidas por convencionalismos ou tradições que estanquem o progresso”. Toda complexidade atrasa o relógio da evolução”. “O sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado”. - Jesus. (Mc. 2:27).

34. PERANTE O TEMPO: “Quando procuramos o bem, o próprio bem nos ensina a encontrar o ‘tempo de auxiliar’. “Ainda não é chegado o meu tempo, mas o vosso tempo sempre está pronto”. - Jesus. (Jô. 7:6).

35. PERANTE OS FATOS MOMENTOSOS: “ “Ainda mesmo com sacrifício,m entre acidentes inesperados que lhe firam as esperanças, jamais desistir da construção do bem que lhe cumpre realizar. Cada Espírito possui conta própria na Justiça Perfeita”. “Vede que ninguém dê a outrem mal por mal, mas segui sempre o bem, tanto uns para com outros, como para com todos”. - Paulo. ( I Tess. 5:15).

36. PERANTE AS REVELAÇÕES DO PASSADO E DDO FUTURO: “Somos herdeiros dos nossos próprios atos”. “Todas as coisas me são lícitas, mas nem, todas as coisas me convêm”. - Paulo. (I Cor. 6:12).

37. PERANTE O LIVRO: “Examinai tudo. Retende o bem”.- Paulo. (I Tess. 5:21).

38. PERANTE A INSTRUÇÃO: “A educação da alma é a alma da educação”. “Portanto, ide e ensinai...”. - Jesus. (Mt.28:19).

39. PERANTE A CIENCIA: À ciência humana sobrepõe-se a Ciência Divina”. A Ciência incha, mas o Amor edifica”. - Paulo. (I Cor. 8:1).

40. PERANTE A ARTE: “Melhoria buscada, perfeição entrevista”. “A arte deve ser o Belo criando o Bom”. “E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará os vossos corações e os vossos sentimentos em Cristo Jesus”. - Paulo. (Filip. 4:7).

41. PERANTE A CODIFICAÇÃO KARDECIANA: “Fora da caridade não há salvação”. “Medita estas coisas; ocupa-te nelas para que o teu aproveitamento seja manifesto a todos”. - PAULO. (I Tim. 4:15).

42. PERANTE A PRÓPRIA DOUTRINA: “Recordar a realidade de que o Espiritismo não tem chefes humanos e de que nenhum dos seareiros do seu campo de multiformes atividades é imprescindível no cenário de suas realizações.’ Cristo, nosso divino Orientador, não vive ausente”.“Que fazeis de especial?” - Jesus. (Mt. 5:47).

43. PERANTE JESUS: “Em todas as circunstâncias, eleger, no Senhor Jesus, o Mestre invariável de cada dia. Somos o rebanho, Jesus é o Divino Pastor”. “E tudo quanto fizerdes, fazei-o de todo o coração, como ao Senhor, e não aos homens”. - Paulo. (Coloss. 3:23).

DA OBRA ‘AGENDA CRISTÃ’

CONCLUSÃO

Que a vida física é uma escola abençoada, é insofismável; mas, se você não se aproveitar dela a fim de aprender suficientemente as lições que destinam ao seu engrandecimento espiritual, em nada lhe valerá co ingresso no aprendizado humano.

Que o caminho do bem é laborioso e difícil, não padece dúvida; no entanto, se você não se dispuser a segui-lo, ninguém o livrará da perigosa influencia do mal.

Que a felicidade eterna é realização superior, fora dos quadros transitórios da carne, é incontestável; contudo, se você deseja perseverar no campo dos prazeres fáceis e inferiores das esferas mais baixas, dentro delas perambulará, indefinidamente.

Que Deus está conosco, em todas as circunstâncias, é verdade indiscutível; todavia, se você não estiver com Deus, ninguém pode prever até onde descerá seu espírito, nos domínios da intranqüilidade e da sombra.

DA OBRA “E A VIDA CONTINUA”

1.... “Os planos do além se personalizam de múltiplos modos, e ávida para cada um se especifica invariavelmente, segundo a condição mental em que se coloque”.

. “Os males que fazemos são golpes que desferimos contra nós próprios”.

2. “O impulso suicida, tanto quanto o impulso criminoso... São incógnitas da alma. Talvez sejam ápices de doenças psíquicas, demoradamente mantidas no espírito. O suicídio e o crime são de temer em qualquer de nós, porque são atos de delírio, que fundos processos de corrosão mental determinam em qualquer um”.

3. “Os infelizes não possuem outro medicamento que não seja a esperança. Shakespeare”.

4. “... As idéias e as palavras são filhas das circunstancias”.

5.. “... a vida na terra deve ser interpretada como um trabalho especial para o Espírito”.

6. “Cada qual de nós é um mundo por si e em razão disso, cada individualidade, após largar o carro físico, encontrará emoções, lugares, pessoas, afinidades e oportunidades, conforme desempenhou o ofício, ou melhor, os deveres que lhe competiam durante a existência na Terra. Ninguém pode conhecer o que não estuda, nem reter qualidades que não adquiriu”.

7. “A matéria se resume a energia. Cá e lá, o que se vê é a projeção temporária de nossas criações mentais...”.

8. “Depois da morte, somos o que fizemos de nós na realidade interna, e colocamo-nos em lugar compatível com as possibilidades de recuperação ou com as oportunidades de serviço que venhamos a demonstrar”.

9. “A depressão momentânea ( ) faz bem. A dor moral nos mede a noção de responsabilidade”.

10.“Quase sempre, a recuperação de alguém é uma planta sublime da alma que somente vinga porque a abnegação de outro alguém se dispõe a adubá-la com a proteção da ternura e com o orvalho das lágrimas...”.

11.“Os que conhecem, precisam auxiliar os que ignoram e não apenas auxiliar simplesmente, mas auxiliar com muito amor”.

12.HUMILDADE: “Ouçamos os opositores nas críticas que assaquem contra nós, buscando aproveitá-las com humildade... ela funcionará com acerto na solução dos maiores enigmas”.

COMENTÁRIOS

É importante afastar-se do bulício caseiro para pensar.

O ideal é que comecemos cedo nos domínios de tudo o que se relacione com as ciências da alma, principalmente com aquilo que se refira à sobrevivência e à comunicação com os Espíritos, supostos habitantes de outras esferas.

A confissão é um contraveneno que imuniza, de tempos em tempos, evitando a explosão das próprias tendências inferiores.

Tantas vezes vivemos como satélites de outras pessoas. Por que não reaver as próprias forças, renovar-se viver?

Mentalização é alimentação da memória.

Quando há grande grau de afinidade ocorrem entendimentos telepáticos, com o mínimo de palavras.

Quando as emoções se transfiguram em pensamentos estamos adquirindo a consciência de si; e, os sentimentos sobem do coração para o cérebro.

Observamos nesta Obra uma real intenção de preparar-nos para a vida no mundo espiritual, após o fenômeno da desencarnação ou erroneamente chamada de morte. A morte não existe!

Nossa conversação deveria estar subordinada ao encorajamento e a saúde, nada de pensamentos negativos. A assistência terapêutica ao espírito libertado deverá ser inicialmente a proteção, tratamento socorrista, reajustamento. Entendimento fraternal, com conversa, diálogo fraterno. Todos os informes serão gravados para estudos posteriores. As palestras poderão ser filmadas.

As ciências psíquicas devem buscar promover o autoencontro, no plano das realidades alma, para o balanço preciso de nossas necessidades imediatas.

Deveriam constar dos conteúdos programáticos dos cursos de ciências psíquicas o conhecimento em torno de evangelização, autocontrole, reforma-íntima, sintonia mental, afeição, agressividade, obsessão, reencarnação.

PERFIL PSICOPATOLÓGICO: Manifestações de autopiedade, dando a impressão de quem se proponha a buscar, de qualquer modo, novas razões para ser infeliz”.

A Vida continua em toda à parte, sempre mais bela, plena de grandeza, a santificar-se pelo trabalho e a inundar-se de luz. Graças a DEUS!