Família e namoro

11/09/2003 - Como se dar bem num relacionamento à dois sendo que minha família não simpatiza com meu namorado?

Prezada amiga, é difícil responder a sua pergunta porque os relacionamentos humanos podem ser muito complicados.

Em primeiro lugar não sabemos os motivos dessa antipatia ou mesmo se existem motivos. Não sabemos como é o comportamento do seu namorado numa cidade pequena como a que você mora. Digo, pequena em relação aos grandes centros urbanos do seu e de outros Estados.

Às vezes a conduta e a fama de alguns jovens podem complicar relacionamentos sérios, por incompreensão da família, que quer preservar o seu membro. Mas pode ser, também, falta de conhecimento mais profundo.

Pode ser que o relacionamento superficial leve a julgamentos e veredictos incorretos. Às vezes a fase doidivanas de um jovem, como brigas, farras, falta de vontade de trabalhar, má conduta escolar, pode marcá-los por muito tempo. Acreditamos que o caminho é conquistar a família e isto pode ser feito por ele.

Gentileza, educação, amizade, respeito aos valores cultivados pela família são essenciais.

Como você pode verificar, responder pergunta tão profunda que nos veio em duas linhas de um e-mail, é extremamente difícil.

Só podemos fazer suposições dos motivos. Não sabemos se você é menor de idade, o que levaria a família a ter cuidados redobrados. A verdade é que o namorado é seu e não da sua família, mas para tomar essa atitude você terá que assumir essa postura e arcar com as conseqüências. Se vocês realmente se amam e se respeitam e não seja apenas um namorico, um passatempo, converse serenamente com a sua família.

Exponha as suas razões e escute pacientemente as deles. Peça uma oportunidade, um tempo para que o seu namorado possa demonstrar o seu caráter e conquistar a amizade dos familiares.