Tamanho
do Texto

A Geometria Divina

Dentro deste contexto, selecionamos um círculo e ao optarmos por ele, com que
mais nos identificamos ou julgarmos mais convincente, ele se sobressai perante
os demais. Eu já encontrei a minha “circunferência de vida”. Se lançarmos um
ponto no meio e ligarmos às suas extremidades, veremos que surgirão vários
triângulos e se imaginarmos este conjunto em movimento, poderemos deduzir que o
círculo é o grande universo e cada um de nós, percorrendo esta trajetória, com
direção centro-extremidade, e vice-versa, veremos que é o percurso da busca e
encontro entre nós e Deus, e Deus e nós.

Sintetizando: é a circunferência divina que move e expande energia em todos
os recantos.

Pois bem! Há quem diga que todos os caminhos levam à Deus. É possível. O que
faz a diferença é a clareza no entendimento do itinerário… E nesta busca,
enfim encontrei o DEUS-AMOR, justo e bom, e apaguei a imagem do Deus-pavor e
Deus-temor que as tradições tentam não só incutir, como enraizar em nossas
mentes. Chega de culpas! Ele não castiga. Quem castiga somos nós mesmos, quando
não raciocinamos e adotamos atitudes insensatas ou equivocadas. Deus nos legou o
Cristo, que nos ensinou o Caminho a Verdade e a Vida. Com isso, ele já fez sua
parte em nos mostrar a direção a ser seguida. O resto é por nossa conta. Mas
lembre-se que “a semeadura é livre e a colheita obrigatória”.

Igualmente, Deus também não salva ninguém. Esta tarefa é individual e lenta,
também reflexo do que fizermos com a mensagem cristã. Oremos e vigiemos. Nunca
deveremos postergar o investimento em burilar nosso ser, porém, como Deus é
misericordioso, nos concederá quantas oportunidades ou jornadas reencarnatórias
forem necessárias para nos corrigirmos, aprendermos e evoluirmos. É exatamente
esta a seqüência da lei da vida, para conquistarmos nosso progresso espiritual.

Somos ainda rudes em razão de um estágio planetário em que vivemos, de provas
e expiações. Mas estamos em marcha para um mundo de regeneração. Descobrir estes
valores, com lógica plena, movida por raciocínio, e não fé cega, me fizeram
muito bem. A “circunferência de vida”, evolucionista, que escolhi, me libertou,
me esclarece, me alerta, me consola, me faz feliz, me faz ser o que sou, enfim,
me dá paz. É maravilhoso saber que meu espírito é imortal e que TODOS (uns mais
cedo e outros mais tarde) conquistaremos um estágio angelical. “Um dia todos nós
seremos anjos”.

E o melhor: como todos e tudo seguem em evolução – no ciclo do tempo se vamos
ruim hoje, espiritualmente, ontem foi bem pior, assim como amanhã será melhor
que hoje – aprendi que chegará um tempo em que todas as circunferências e
triângulos se diluirão, para harmonizar com a apoteose do grande e único círculo
da vida. Será o ápice do Universo pleno. Pode ainda demorar milênios, mas que
acontecerá, acontecerá.

Disso não tenho a menor dúvida.

CAMINHOS
“Na vida não vale tanto o que temos nem tanto importa quem somos. Vale o que
realizamos com aquilo que possuímos e, acima de tudo, importa o que fazemos de
nós”
Emmanuel

O Norte – 18 de maio de 2003

Você gostou deste conteúdo?

Todo o conteúdo produzido pela Fundação Espírita André Luiz é aberto e gratuito e, com a sua ajuda, sempre será.

Ao todo são transmitidas 180 horas mensais de programas ao vivo e 240 horas mensais de programas inéditos através de nossos canais de comunicação: Rádio Boa Nova, Tv Mundo Maior e Portal do Espírito. Nós acreditamos que o acesso aos ensinamentos da doutrina espírita muda o mundo, mas manter uma estrutura deste porte é muito caro, por isso a importância do apoio de nossos leitores.

Quando você apoia iniciativas como a nossa, você faz com que pessoas que não podem pagar pela informação continuem tendo acesso a ela.

Ajude o espiritismo a alcançar mais pessoas

Apoie essa causa <3
logo_feal radio boa nova logo_mundo_maior_editora tv logo_mundo_maior_filmes logo_amigos logo mundo maior logo Mercalivros logo_maior