Tamanho
do Texto

Aulas de concentração nos centros espíritas. Quê tal?

pensamento-artigo-feal-300x300

 

Outro dia, em conversa com o grupo mediúnico do qual faço parte, escutei dos colegas:

– Temos muita dificuldade de concentração, nossos pensamentos voam, viajam a qualquer ruído, estímulo ou interferência, seja deste ou do outro plano.

Nada diferente do que comentavam alguns expectadores, após as palestras:

– Estava tudo muito bom, mas no meio da apresentação perdi o foco, meu pensamento perdeu-se…

Um outro caso foi ainda mais engraçado. Certa vez um rapaz me disse:

– Muito comum estar na sala de aula ou assistindo palestra e brotar em minha mente, do nada, músicas da Legião Urbana, o que me tira atenção do que está ocorrendo ao redor.

Temos dificuldade enorme em controlar nossos pensamentos.

Poucos estão no centro espírita realmente, de corpo e alma.

Poucos estão prestando atenção quando conversam com os amigos.

Poucos conseguem manterem-se focados na atividade a executar.

Não raro estamos na escola com a cabeça em casa, e em casa com a cabeça na casa da namorada, e na casa da namorada com a cabeça no futebol… nosso pensamento pulando, pulando, pulando…

Por isso não me admira, ao menos em terras tupiniquins, chegarmos à idade adulta com dificuldades de concentração. Observem que nossas crianças não são treinadas para isso, para aprenderem a controlar sua mente, a manter o foco, prestar atenção, a viver uma coisa de cada vez.

Digam-me: quantas escolas têm em seu currículo uma disciplina que trabalhe a meditação, o controle dos pensamentos, a boa utilização da capacidade mental?

Quantos centros espíritas têm aulas para crianças sobre essas questões, esses pontos tão importantes?

Quantos pais ensinam e treinam seus filhos para isso?

Recentemente estive lançando, ou melhor, relançando o livro Pérolas Devolvidas em COBEM – Casa de Oração Bezerra de Menezes, em Salvador. Fiquei encantado com o cantinho que a Casa oferece à toda comunidade para meditação. Sala ampla, confortável, música ambiente e, melhor, aberta o dia todo para quem quiser desfrutar de uns minutos de tranquilidade.

Eis um tema para os centros espíritas debaterem: aulas e cursos de meditação a fim de que, dentro de seus limites, os colaboradores e frequentadores possam controlar um pouco mais a casa mental.

Concentração é treino, e como poucos a valorizam crescemos completamente alheios a essa importante capacidade.

Todavia, nunca é tarde para começar.

Quê tal escolas, país, centros espíritas??

logo_feal radio boa nova logo_mundo_maior_editora tv logo_mundo_maior_filmes logo_amigos logo mundo maior logo Mercalivros logo_maior