Tamanho
do Texto

Boa Companhia

Boa Companhia

Sempre estamos acompanhados por alguém. Começamos com a família, depois os coleguinhas
da escola, a turma da faculdade, os colegas de trabalho e a própria comunidade onde
vivemos. Embora todos conheçamos muitas pessoas, somente algumas serão nossas companhias,
ou seja, aquelas que estarão mais próximas de nós em variados momentos da existência.

Alguns chegam, outros vão, mas sempre teremos, em maior ou menor número, pessoas
dispostas a nos acompanharem. Seleção natural, que ocorre por afinidade de propósitos
e pensamentos.

Uma pessoa com idéias ou tendências criminosas procurará estar acompanhado de
alguém que partilhe as mesmas intenções. Já um cientista se acercará de intelectuais
de sua área. Os alcoólicos procurarão outros alcoólicos e assim sucessivamente.

É importante raciocinar, todavia, que as amizades ou companhias influem decisivamente
na felicidade pessoal. Bons e sinceros amigos garantem a paz, a harmonia. Por isso
é importante escolher boas companhias. No livro Para o dia nascer feliz,
no capítulo Dia de estar em boa companhia, o autor pondera: “(…) ninguém
é tão independente e pleno que não corra o perigo de contaminar-se, com aqueles
que estagiam e se comprazem na delinqüência ou na insensatez viciosa. Isto quer
dizer que as companhias que temos podem influenciar positiva ou negativamente a
nossa vida.”

E podemos completar, como diz o autor: “junte-se aos maus e se tornará um deles”.
Sem desprezo com as pessoas de má índole, e sim o dever de tratá-los com gentileza
e respeito pelas suas opções, é preciso prudência na escolha das companhias. Nem
sempre são recomendáveis. Que o digam os pais, atualmente, em função da tragédia
das drogas que ronda os adolescentes.

Para melhorar nossa vida, melhoremos a qualidade de nossas companhias. Para isso,
aproximemo-nos dos bons, dos que apreciam as artes, a cultura, a ética, a educação,
os nobres princípios morais e religiosos. Para isso é importante a freqüência em
ambientes de estudos, em grupos de autoconhecimento e de desenvolvimento espiritual
(não importa a crença), em instituições que propiciam serviços beneficentes, onde
sempre há boas oportunidades de conhecer novos amigos que enriquecem a vida.

Não há santidade no planeta, todavia, há muitas pessoas comprometidas com objetivos
superiores. E estar cercado de boas pessoas é fator de enriquecimento moral para
todos. Estar em companhia de pessoas alegres tornará a vida mais alegre; estar ao
lado de pessoas otimistas garantirá mais coragem; estar em companhia de pessoas
cultas atrairá sabedoria. Juntar-se aos solidários afastará a solidão e por aí vai…

Escolher, pois, boas companhias, é atrair alegria e felicidade.

Se a vida, por acaso, situar más companhias à nossa volta, o ideal é irradiar
simpatia e bondade para conquistar um novo amigo e transformá-lo numa boa companhia,
pois todos somos exponenciais amigos em potencial. É preciso, porém, despertar este
nobre sentimento: a amizade leal e verdadeira.

O presente texto foi inspirado no capítulo e livro acima citado, com pequenas
transcrições parciais e adaptado para o presente artigo. O autor do livro é o Dr.
José Carlos de Lucca

Você gostou deste conteúdo?

Todo o conteúdo produzido pela Fundação Espírita André Luiz é aberto e gratuito e, com a sua ajuda, sempre será.

Ao todo são transmitidas 180 horas mensais de programas ao vivo e 240 horas mensais de programas inéditos através de nossos canais de comunicação: Rádio Boa Nova, Tv Mundo Maior e Portal do Espírito. Nós acreditamos que o acesso aos ensinamentos da doutrina espírita muda o mundo, mas manter uma estrutura deste porte é muito caro, por isso a importância do apoio de nossos leitores.

Quando você apoia iniciativas como a nossa, você faz com que pessoas que não podem pagar pela informação continuem tendo acesso a ela.

Ajude o espiritismo a alcançar mais pessoas

Apoie essa causa <3
logo_feal radio boa nova logo_mundo_maior_editora tv logo_mundo_maior_filmes logo_amigos logo mundo maior logo Mercalivros logo_maior