Tamanho
do Texto

Mediunismo e Mediunidade

6666666666

Euripedes Rodrigues dos Reis

Através do estudo sistemático das obras de Allan Kardec, as pessoas que adentram ao Espiritismo acabam por concluir que a Doutrina Espírita é uma maneira de entender a vida e uma religião interior.

O Espiritismo não é institucionalizado como uma religião convencional.Não tem rituais, imagens e nenhuma prática ligada a objetos materiais. Seu ensino é racional e a principal diretriz é a caridade. Muito embora esse aspecto da caridade sofra algumas deturpações, e que será assunto que trataremos numa próxima oportunidade, devemos ter sempre presente em nós que ” fora da caridade não há salvação”.

Muitas pessoas confundem práticas mediúnicas com Espiritismo e no nosso país temos uma infinidade de exercícios onde se aflora a mediunidade e que são intensamente difundidas. Essa mediunidade natural que, no dizer de Emmanuel, devemos chamar de mediunismo, existe desde os tempos imemoriais. Não é propriedade do Espiritismo. A inevitável mistura trouxe o sincretismo religioso, ou seja, a fusão de elementos de várias doutrinas diferentes. Aliado a isso, vemos diariamente programas de TV, rádio, jornais ,revistas e meios de comunicação de uma forma geral com comentários que, na maioria das vezes, são inadequados, pois o que transmitem e informam está bem longe do que verdadeiramente é o Espiritismo. A prática mediúnica embora muito difundida está cheia de erros e crendices.

Os grupos religiosos, embora respeitáveis, pois em sua grande maioria buscam a ajuda ao próximo e o auxílio aos necessitados, não podem ser chamados Espiritismo. A palavra “espiritismo” foi criada por Allan Kardec, o codificador da Doutrina Espírita que a organizou metodicamente nas principais obras: O Livro dos Espíritos, O Livro dos Médiuns, O Evangelho Segundo o Espiritismo, A Gênese, O Céu e o Inferno.

Um dos principais legados de Kardec foi o estudo do mediunismo que, ao ser trabalhado e esclarecido, transforma-se em mediunidade.Temos através de Kardec, e várias outras obras subsidiárias, a orientação em diretrizes seguras sobre o que é, por que, para que, como e quando empregá-la. A principal obra é O Livro dos Médiuns, e existem uma infinidade de livros subsidiários de ótima qualidade. No momento, estou estudando duas excelentes obras: Mediunidade Caminho para Ser Feliz de Suely Caldas Schubert e Mediunidade – Coleção, Estudos e Cursos de Terezinha de Oliveira (ambas podem ser encontradas na Distribuidora Mundo Maior).  Temos diariamente informações de pessoas identificadas como paranormais, que é uma palavra criada por Frederic Myers para identificar pessoas que presenciam e participam de fenômenos que os leigos consideram inusitados e inexplicáveis.

Tive a oportunidade de ser apresentado dias atrás a uma dessas paranormais. Seu nome é Socorro Leite e tem tido intensa (e nem sempre adequada) divulgação pela mídia. Ela se diz católica, mas convive diuturnamente com fatos perfeitamente esclarecidos pelo Espiritismo. Qual não foi nossa surpresa e satisfação, quando ela demonstrou interesse em conhecer mais detalhadamente a Doutrina Espírita. Foi convidada a participar do nosso Portal da Fundação Espírita André Luiz – FEAL, não como espírita, mas como espiritualista, para relatar suas experiências, e com isso ajudar aos incrédulos a rever seus conceitos.Através do convívio com ela, temos a certeza de que haverá um crescimento mútuo.

logo_feal radio boa nova logo_mundo_maior_editora tv logo_mundo_maior_filmes logo_amigos logo mundo maior logo Mercalivros logo_maior