Tamanho
do Texto

Mulheres que correm com os lobos

999

 Amilcar Del Chiaro

    Dia 8 de março é o Dia Internacional da Mulher. Um dia muito especial. Oito de março assinala o sacrifício de várias mulheres que reivindicavam melhores salários e melhores condições de trabalho, há algumas décadas. e foram assassinadas por isso.           Entretanto, neste texto queremos lembrar a mulher poesia, a mulher perfume e a mulher que corre com os lobos, ou seja, empreendedoras, capacitadas, românticas, levemente selvagens. Todas as mulheres têm em si um pouco de loba. Oprimida, ela não se domestica. Seus instintos fazem com que elas lutem pelos filhos. Sua história mistura a lenda das amazonas com a saga de Afrodite, Helena de Tróia, Maria de Nazaré. Tanto a mulher humilde, presa aos trabalhos domésticos, como a mulher empresária, ministra, presidenta ou rainha, elas trazem nas veias um pouco da condição selvagem das florestas, e nos olhos trazem a cor e a luz do sol. Essa mulher levemente selvagem é encontrada na personificação da “bóia fria” da “sem terra” da “Sem Teto” da lavradora, da operária, ou nos salões aristocráticos, nas cátedras e academias das universidades, porque ela é, sobretudo, a mulher palingenésica, que animou e animará muitos corpos. Ela pode ser guerrilheira, médica, professora, mãe ou estéril. Entretanto não existe mulher estéril, pois se ela não der a luz a uma criança, ela engravida no coração e acaricia filhos de outras mulheres, ou dará a luz a idéias. Homenageamos todas as mulheres, inclusive àquelas que mudam o mundo, ou dão a luz a homens que mudam o mundo, como Confúcio, Buda, Francisco de Assis, Gandhi, Jesus de Nazaré… Homenageamos a mulher espírita nas pessoas de Anália Franco e Benedita Fernandes, mulheres empreendedoras que revolucionaram a assistência social. Desejamos que todas mulheres descubram o seu lado levemente selvagem, e construam um mundo melhor, de paz, harmonia, solidariedade, justiça social, liberdade responsável, onde ninguém morra de fome, nem mesmo de fome de amor.

Você gostou deste conteúdo?

Todo o conteúdo produzido pela Fundação Espírita André Luiz é aberto e gratuito e, com a sua ajuda, sempre será.

Ao todo são transmitidas 180 horas mensais de programas ao vivo e 240 horas mensais de programas inéditos através de nossos canais de comunicação: Rádio Boa Nova, Tv Mundo Maior e Portal do Espírito. Nós acreditamos que o acesso aos ensinamentos da doutrina espírita muda o mundo, mas manter uma estrutura deste porte é muito caro, por isso a importância do apoio de nossos leitores.

Quando você apoia iniciativas como a nossa, você faz com que pessoas que não podem pagar pela informação continuem tendo acesso a ela.

Ajude o espiritismo a alcançar mais pessoas

Apoie essa causa <3
logo_feal radio boa nova logo_mundo_maior_editora tv logo_mundo_maior_filmes logo_amigos logo mundo maior logo Mercalivros logo_maior