Tamanho
do Texto

Seu amor ainda é tudo!

corao-300x300

 

Conta o notável cantor, compositor, apresentador e ator Moacir Franco que, em determinado momento de sua vida envolveu-se com a política, o que muito prejudicou sua carreira.  Ao sair do cenário político  gravadoras fecharam-lhe as portas, emissoras de televisão não queriam mais a sua presença.

Segundo o cantor ele conhecia o fundo do poço e estava no momento mais triste de sua existência. Não fosse pelos amigos e estaria completamente arruinado. Passou a cantar em circos para sobreviver.

Platéia pequena, cerca de 15 a 20 pessoas. E um dia, na cidade de Guarulhos SP, depois de apresentar-se para este público diminuto, surge um homem alto e o aborda:

– Seu Moacir, sou de uma dupla sertaneja. Podemos gravar uma música do senhor?

– Qual o nome de sua dupla, meu filho?

– João Mineiro e Marciano.

– Qual a música que vocês querem gravar?

– Seu amor ainda é tudo!

– Mas esta música nem é conhecida, aliás, nem lembro direito da letra.

– Ah, mas eu lembro – disse o cantor.

– Está autorizado, pode gravar.

E o cantor saiu em disparada, satisfeito com a resposta do compositor.

Após alguns meses a dupla João  Mineiro e Marciano explodiu em todo o Brasil com a belíssima canção, Seu amor ainda é tudo, composição de Moacir Franco.

Venderam mais de 2,5 milhões de discos.

Moacir Franco voltava ao cenário artístico, não sem antes aprender uma grande lição:

A parte mais importante do corpo humano não é o cérebro, tampouco o coração, mas, sim, o ombro. Quem tem amigos, quem tem ombros para chorar jamais está sozinho nesta vida.

As provações que o compositor passou todos nós estamos sujeitos a passar. Estamos na Terra, mundo de provas e expiações.

Um dia estamos bem, no outro nem tanto.

Faz parte.

O  fundamental mesmo é mantermos a cabeça no lugar e prosseguirmos trabalhando, pois um dia as coisas se ajeitam e tudo se modifica.

Fico numa enorme tristeza quando vejo as pessoas desistindo da vida porque não estão se entendendo com o destino.

Dizia Jesus que no mundo teríamos aflições, mas, prossegue o Mestre, é necessário ter bom ânimo, pois é possível vencer o mundo.

Os sábios da espiritualidade também nos alertam que podemos vencer todas as provações existenciais. Ah! – exclamam – Falta-nos vontade!

A história de Moacir Franco poderia ter tido outros desdobramentos muito mais dolorosos.

Por que o compositor não se perdeu no fundo do poço?

Porque não desistiu. Questão de postura. Ante a prova difícil faz-se imprescindível ser mais forte, e ele foi, por isso venceu.

Eis a convocação para termos bom ânimo, afinal, podemos e devemos vencer as provas da vida.

E o melhor: não estamos sozinhos, pois Deus, em sua infinita sabedoria, envia-nos amigos; amigos que nos emprestam os ombros para que possamos chorar… Mas, depois do choro se faz imperioso enxugar as lágrimas e…

Seguir em frente!

 

 

Você gostou deste conteúdo?

Todo o conteúdo produzido pela Fundação Espírita André Luiz é aberto e gratuito e, com a sua ajuda, sempre será.

Ao todo são transmitidas 180 horas mensais de programas ao vivo e 240 horas mensais de programas inéditos através de nossos canais de comunicação: Rádio Boa Nova, Tv Mundo Maior e Portal do Espírito. Nós acreditamos que o acesso aos ensinamentos da doutrina espírita muda o mundo, mas manter uma estrutura deste porte é muito caro, por isso a importância do apoio de nossos leitores.

Quando você apoia iniciativas como a nossa, você faz com que pessoas que não podem pagar pela informação continuem tendo acesso a ela.

Ajude o espiritismo a alcançar mais pessoas

Apoie essa causa <3
logo_feal radio boa nova logo_mundo_maior_editora tv logo_mundo_maior_filmes logo_amigos logo mundo maior logo Mercalivros logo_maior