Tamanho
do Texto

12º Encontro Espírita sobre a vida e a obra de Eurípedes Barsanulfo

12º Encontro Espírita sobre a vida e a obra de Eurípedes Barsanulfo

Estudo Espírita
Promovido pelo IRC-Espiritismo
http://www.irc-espiritismo.org.br
Centro Espírita Léon Denis
http://www.celd.org.br

Expositor: René Jund
Rio de Janeiro – RJ
25/05/2002

Dirigente do Estudo da Noite:

Deise Bianchini – Naema

Oração Inicial:

<Naema> Senhor amado agradecemos a oportunidade que nos tem ofertado de estarmos aqui estudando. Estamos, todos nós, em busca de nosso progresso. Trilhando nossa caminhada evolutiva que possamos nessa noite, amparados pelos bons espíritos que nos acompanham e pelos mentores responsáveis por mais esse trabalho do Irc-Espiritismo termos uma noite muito proveitosa e que nosso palestrante possa ser intuído. Que possamos todos nós recebermos os bons sentimentos de todos aqueles que se dedicam ao bem.

Assim seja

Mensagem Introdutória:

Mensagem para o 12º Encontro Espírita sobre a Vida e Obra de Eurípedes Barsanulfo

Jesus, sempre o Mestre!

Na sua passagem sobre a Terra, trabalhando o seu Evangelho e peregrinando por terras da Palestina, Jesus fez-se acompanhar por diversos seres que muito ajudaram a disseminação dos ensinos cristãos.

Essas personalidades traziam marcas características de suas individualidades. Simão Pedro, impulsivo e organizador, estabelece os sinais da caridade cristã quando, juntamente com outros apóstolos, cria a Casa do Caminho e, mais tarde, estende os seus sentimentos no coração de Roma.

João, o iluminado apóstolo, mostra o esforço do Mestre que, em sendo bom, espalha a mensagem consoladora e de paz.

André caminha simultaneamente com o trabalho da fé e a certeza da verdade, ao falar com o eunuco acerca da fé e da confiança em Deus.

Todos eles mostraram-se companheiros de Jesus. Na medida em que os mesmos acompanharam o Mestre, não só difundiram as doces manifestações do conhecimento de Jesus, mas foram até mesmo capazes de viver com ele na edificação do reino de Deus sobre a Terra.

Esse intercâmbio de vidas tão diferentes mostra que a amizade e o companheirismo podem perfeitamente estar junto daqueles que, maiores, arrastam consigo os bons que encontra, e estes servem a Deus através da amizade, da dedicação e do tempo disponível, tudo com o objetivo de participar da grande construção do bem na Terra.

Paz!

Luís.

Mensagem psicográfica recebida pelo médium Altivo Carissimi Pamphiro, no dia 10 de janeiro de 2002.

Exposição:

<Rene_Jund> Queridos companheiros, que Jesus nos abençoe.

Realizaremos, amanhã, domingo, na sede da nossa casa espírita, Léon Denis, demais pólos e pela internet.

Trata-se do 12º Encontro Espírita sobra a Vida e a Obra de Eurípedes Barsanulfo.

As 8h inicia o Encontro.

Sendo realizado, inicialmente a recepção.

As 8h30min teremos a abertura, com a prece e a sensibilização.

As 08h45min iniciaremos os estudos.

Teremos um intervalo de 15min, as 10h30min, retornando até as 13h.

Quando encerraremos o encontro, com a prece.

Sendo que pela internet, o Encontro será realizado no período de 9h as 12h, nos canais O Tema Central do Encontro é: A Percepção das Personalidades dos Espíritos que Acompanharam Eurípedes Barsanulfo.

Sendo que o objetivo principal é a observância dos tipos de personalidades que conviveram com ele, Eurípedes.

Analisando a personalidade de Eurípedes e as suas reação diante do outro.

Verificar, também, os choques de comportamento, os conceitos e valores das pessoas.

Eurípedes Barsanulfo é para nós espíritas um representante de Jesus na Terra.

Um verdadeiro espírito de escol.

Nasceu em 1 de maio de 1880, na cidade de Sacramento, em Minas Gerais, e diga-se de passagem, uma cidade eminentemente católica.

Seus pais eram de famílias pobres, tiveram quinze filhos e Eurípedes foi o terceiro.

Aos quatro anos, Eurípedes já tinha uma preocupação muito grande pelos seus familiares, em particular com a sua mãe, pois sofria de uma doença que provocava crises neurológicas o fazendo sofrer com isso.

Procurando sempre estar junto à mãe nesses momentos de sofrimento.

Aos nove anos de idade, folheava livros de medicina e dizia: “Não descansarei, mãe, enquanto não conseguir lhe curar.”

E cresceu sempre com esse pensamento.

Aos 22 anos, consegue matrícula, no Rio de Janeiro, para estudar medicina.

Entretanto, quando tudo já estava programado para a sua viagem de Sacramento ao Rio, sua mãe tem uma de suas crises, e Eurípedes, embora muito entusiasmado com a viagem que iria fazer, pois realizaria um grande sonho da sua vida, que era se formar em médico.

Mas diante da saúde de sua mãe estar sendo prejudicada com essa viagem, naturalmente um afastamento por um tempo longo, entendendo, desta forma, ele desfaz as malas de viagem e nunca mais sequer falou nesse assunto.

Isso nos mostra a atenção e o amor que ele tinha pela sua mãe.

Tendo sua meta frustrada no campo da medicina, Eurípedes dedica-se ao ensino, no Colégio Liceu Sacramentano.

Devemos falar, nesse interregno, sobre sua dedicação religiosa, pois Eurípedes, ainda jovem, realizava tarefas junto à igreja católica, e era um devoto muito amigo do padre da igreja que ele militava.

Entretanto, Eurípedes tinha algumas dúvidas quanto aos postulados católicos, pois não compreendia como Jesus, nas Bem-aventuranças, nos diz que seremos bem-aventurados, todos, mesmo aqueles que passam por sofrimentos e vem até a desencarnar sem se quer ter momentos de felicidade, de tranqüilidade e de paz.

Eurípedes não conseguia entender isso.

Por outro lado, o padre, muito amigo de Eurípedes, tentava responder as suas perguntas.

Chegou, até, a emprestar a ele uma bíblia, coisa que naquela época não era permitido pela igreja.

Foi, realmente, um precedente que o padre abriu.

Mesmo assim, Eurípedes permaneceu com aquela dúvida, e consultou ao padre sobre as bem-aventuranças.

O padre, por sua vez, se limita a dizer que são mistérios de Deus.

Eurípedes tinha um tio que, carinhosamente, o chamavam de Tio Senhor.

Tio Senhor freqüentava um Centro Espírita na cidade de Santa Maria, próximo a Sacramento, onde Eurípedes vivia.

Seu tio sempre que viajava para Sacramento, hospedava-se na casa de Eurípedes e, como Eurípedes tinha um carinho muito grande por esse seu tio, oferecia, sempre, seu quarto.

Constantemente, Eurípedes questionava seu tio sobre a sua freqüência ao centro espírita de Santa Maria.

Numa determinada noite, em que seu tio se hospedou em sua casa, quando Eurípedes, em conversa com ele, refere-se ao centro espírita, seu tio apresenta um livro, dizendo a ele que como não teria condições intelectuais para falar com Eurípedes, um homem culto, trouxe, então, um livro, cujo o nome é Depois da Morte, cujo autor é Léon Denis, e o empresta para Eurípedes, que no mesmo instante, desfolha o livro, lendo uma página e se encanta e diz, após uma leitura mais demorada, para seu tio: “Isto é um monumento.”

E esse, então, foi o caminho que conduziu Eurípedes para a Doutrina Espírita, que, posteriormente, lê todas as obras Kardequianas, resolvendo visitar Santa Maria, com seu tio.

Foi, então, que chegando ao Centro Espírita Fé e Amor, vivencia experiência que, até então, nunca havia imaginado.

Ele, mentalmente, questiona quanto a explicação sobre as bem-aventuranças e, mentalmente ainda, sugere a espiritualidade que através do médium Aristides, que era uma pessoa inculta, para receber a mensagem de João Evangelista.

No final da reunião, o médium Aristides, psicofonicamente, dá uma mensagem jamais vista, antes por Eurípedes, com todos os esclarecimentos que ele ansiava.

E no final, o espírito que dera a mensagem se identifica como “João Evangelista”.

Teríamos muitas passagens, no campo da mediunidade, para citarmos.

Não sendo, infelizmente, possível, devido ao curto tempo que dispomos.

Apenas, para encerrarmos, a parte mediúnica de Eurípedes, funda um Centro Espírita em Sacramento, e entre os médiuns, sua mãe passa a trabalhar mediunicamente na cura e, no transcurso do trabalho, acaba curando-se da sua doença.

Queridos companheiros, temos a certeza que, diante de um personagem como esse, aqueles que estiverem disponível, não deixarão de comparecer, ou assistir pela internet, o Encontro de Eurípedes.

O tema Percepção tratará de assuntos muito interessantes, que envolvem a família, a política, mediunidade, caridade e até a criminalidade pois, durante a última encarnação de Eurípedes, muita contribuição foi dada, por ele, nesses campos.

No início do encontro, abordaremos temos como: sensação, inteligências analisadas pelo psicólogo americano Gardner, que subdivide, como inteligências múltiplas:

  • lógico-matemática
  • lingüística
  • espacial
  • físico-cinestésico
  • intrapessoal
  • interpessoal
  • e inteligência musical.

Como podemos perceber, trata-se de um encontro imperdível, contamos com todos os companheiros, que lá puderem estar, ou puderem participar.

Que Deus nos abençoe a todos. (t)

Perguntas/Respostas:

01 <Mandrekhan> Rene, qual a fonte de suas informações sobre a fundação do CE em Sacramento e a participação da mãe dele como médium, no trabalho de Eurípedes?

<Rene_Jund> É do livro: Eurípedes, o Homem e a Missão e Eurípedes Barsanulfo, o Apóstolo da Caridade.

O primeiro é de Corina Novelino, e o segundo é de Jorge Rizzini.

Todos esses dois fazem boas referências sobre isso e muito mais.

02 <Mandrekhan> Pergunto porque pertenço à família de Eurípedes e estes fatos me são desconhecidos.

<Rene_Jund> Há muita informação desencontrada. No livro, Eurípedes o Homem e a Missão, diz que ele iria se matricular na Escola da Marinha, e hoje viemos a saber que era na Escola de Medicina.

Os fatos que colocamos se baseiam em livros, e muitas coisas nos livros, podem ser ou não confirmadas.

<Mandrekhan> Rene_Jund: realmente há muita informação desencontrada.

03 <Naema> Como foi a aceitação da família de Eurípedes a essa mudança, de católico para espírita? Apenas um dos tios era espírita?

<Rene_Jund> Foi muito difícil.

A maior dificuldade foi pelo pai.

Ele resistiu muito, ficou aborrecido e contrariado.

A primeira a aceitar foi a mãe, que consegui convencer o pai.

De espírita na família, apenas o tio é citado.

De uma forma geral, depois de Eurípedes, toda a família acabou participando das idéias espíritas, devido ao seu (Eurípedes) arrastamento irresistível.

04 <Mandrekhan> Qual o tio de Eurípedes que o levou a Santa Maria?

<Rene_Jund> Foi Mariano da Cunha, que era conhecido, carinhosamente, por Tio Senhor. (t)

Oração Final:

<Safiri> Nesse momento,

Em tranqüila serenidade

Elevemos nossos pensamentos ao plano maior

Enviando vibrações de agradecimento

Senhor, nosso amado Pai

Agradecemos por aqui estarmos reunidos mais uma vez em Teu nome

Com o objetivo maior de aprender

Quantos aqui gostariam de estar , mas infelizmente , não o podem.

Quantos gostariam de abraçar o conhecimento , mas infelizmente, não o podem.

Quanto gostariam de se livras das amarras do ódio, inveja , ciúme , vaidade e tantos outros sentimento inferiores

Dando lugar aos nobres sentimentos de perseverança no amor, aprendizado, caridade , humildade, amizade

Mas infelizmente, não o podem.

Agradecemos então, de aqui estarmos, pois, estando em busca de respostas, de aprender os ensinamentos de Jesus, vemos quantas barreiras vencemos até aqui chegar .

Foram anos seguidos, séculos de luta , percorrendo encarnações , burilando nossos sentimentos inferiores.

Pai, sabemos que apesar de muita vontade de evoluirmos , ainda somos grãos de areia no infinito do cosmos.

Pedimos apenas, força para continuarmos no caminho reto, burilando nossas almas através do consolador prometido, o espiritismo, o qual vem nos explicar o que por anos , se fez dogmas as respostas.

Obrigada .

Que assim seja

Você gostou deste conteúdo?

Todo o conteúdo produzido pela Fundação Espírita André Luiz é aberto e gratuito e, com a sua ajuda, sempre será.

Ao todo são transmitidas 180 horas mensais de programas ao vivo e 240 horas mensais de programas inéditos através de nossos canais de comunicação: Rádio Boa Nova, Tv Mundo Maior e Portal do Espírito. Nós acreditamos que o acesso aos ensinamentos da doutrina espírita muda o mundo, mas manter uma estrutura deste porte é muito caro, por isso a importância do apoio de nossos leitores.

Quando você apoia iniciativas como a nossa, você faz com que pessoas que não podem pagar pela informação continuem tendo acesso a ela.

Ajude o espiritismo a alcançar mais pessoas

Apoie essa causa <3
logo_feal radio boa nova logo_mundo_maior_editora tv logo_mundo_maior_filmes logo_amigos logo mundo maior logo Mercalivros logo_maior