Tamanho
do Texto

Como o pensamento se organiza para produzir o texto?

Como o pensamento se organiza para produzir o texto?


Como no prédio em construção, no texto conceitual percebem-se os elementos concretos que o compõem

A sociedade sempre nos cobra um posicionamento frente a ela. Diante disso, formamos, reformulamos ou reafirmamos nossos valores. Mas todo juízo de valor pressupõe um outro ou outros juízos que o questionam ou o contradizem. Quando redigimos um texto conceitual, estamos interessados em discutir objetivamente a realidade que nos cerca. Para isso, nosso pensamento precisa ser capaz de absorver e trabalhar com as várias posições e os diversos juízos de valor. Esse pensamento deve ser aberto para novas idéias, mas também ter informações e valores sólidos para resistir aos questionamentos. O processo dialético de pensamento nos fornece instrumentos para essa tarefa. Analisa de modo objetivo os diversos ângulos de uma determinada situação da realidade e faz isso obedecendo a três momentos — a tese e a antítese —, que preparam a síntese ou a conclusão.

1. A estrutura do pensamento dialético
Os três momentos do raciocínio dialético são chamados
de tese, antítese e síntese.

Tese — É uma colocação inicial, uma idéia que se apresenta, uma proposição.
Antítese — É a proposição contrária à tese. Revela um mecanismo de oposição, é uma idéia que se contrapõe à tese.
Síntese — É o resultado do processo de tese e antítese e se expressa em uma idéia que mantém o que há de correto ou legítimo entre as proposições opostas. A síntese é a união dos opostos.

2. A estrutura do ensaio
O ensaio também tem uma estrutura formada por três partes, que se apresentam em seqüência determinada.

Nos ensaios, as partes do texto são chamadas de introdução, desenvolvimento e conclusão.

2a. Como reconhecer a estrutura do texto
A estrutura é a relação entre os elementos que compõem qualquer coisa que se apresente organizada. Essa idéia de estrutura vale tanto para um organismo vivo, como para uma casa ou uma sociedade. Para entender a estrutura, é preciso abstrair. Pense, por exemplo, em um edifício de vários andares em construção. O esqueleto de concreto que se vê na construção é a chamada estrutura do prédio. Mas a estrutura de que falamos seria aquela que abstrai esse esqueleto de concreto: as linhas retas e os planos. Em um texto conceitual também podemos perceber a relação dos elementos concretos que o compõem. Sua estrutura tem correspondência com a estrutura dialética do pensamento.

3. Os elementos do texto
Alguns professores e teóricos denominam a introdução, o desenvolvimento e a conclusão por outros nomes, como 1ª parte, 2ª parte e 3ª parte. Também são conhecidos por prólogo, corpo e epílogo; começo, meio e fim; ou, ainda, introdução, miolo e final. Aproximando a estrutura do ensaio à dialética, temos a figura acima.

Glossário

Dialética: conceito que tem dois significados. Para os filósofos gregos, era a arte do diálogo. Retrabalhado pelos filósofos marxistas, passou a designar o processo de discussão exata do real.

Copyright Klick Net S.A. Todos os direitos reservados.

Você gostou deste conteúdo?

Todo o conteúdo produzido pela Fundação Espírita André Luiz é aberto e gratuito e, com a sua ajuda, sempre será.

Ao todo são transmitidas 180 horas mensais de programas ao vivo e 240 horas mensais de programas inéditos através de nossos canais de comunicação: Rádio Boa Nova, Tv Mundo Maior e Portal do Espírito. Nós acreditamos que o acesso aos ensinamentos da doutrina espírita muda o mundo, mas manter uma estrutura deste porte é muito caro, por isso a importância do apoio de nossos leitores.

Quando você apoia iniciativas como a nossa, você faz com que pessoas que não podem pagar pela informação continuem tendo acesso a ela.

Ajude o espiritismo a alcançar mais pessoas

Apoie essa causa <3
logo_feal radio boa nova logo_mundo_maior_editora tv logo_mundo_maior_filmes logo_amigos logo mundo maior logo Mercalivros logo_maior