Tamanho
do Texto

Homossexualidade e Reencarnação

Homossexualidade e Reencarnação

Palestra Virtual
Promovida pelo IRC-Espiritismo
http://www.irc-espiritismo.org.br
Centro Espírita Léon Denis
http://www.celd.org.br

Palestrante: Regina De Agostini
Rio de Janeiro
25/05/2001

Organizadores da palestra:

Moderador: “Luno” (nick: |||moderador|||) “Médium digitador”:”Regina_De_Agostini” (nick: Regina_De_Agostini)

Oração Inicial:

<Naema> Pedimos nessa noite o amparo dos queridos amigos espirituais para que possamos aprender, discutir, tirar nossas dúvidas e dar mais um passo no nosso caminho que possamos ter a mente e o coração abertos para esses momentos que saiamos dessa reunião mais firmes e confortados pela Doutrina Espírita mais capazes que nossa palestrante da noite possa ser bem intuída vamos procurar abrir nossos corações ao conhecimento. Assim seja!

Considerações Iniciais do Palestrante:

<Regina_De_Agostini> Muitas são as conceituações e nomeclaturas usadas para definir-se algumas situações vividas pelo espírito encarnado no campo das relações sexuais. Comecemos por definir homossexualismo para não misturarmos os conceitos. Homossexualismo entendemos pelos casos típicos em que indivíduos procurariam atender às solicitações sexuais com parceiros do mesmo sexo, em atitudes passivas e ativas. O homossexual é alguém que possui uma identidade sexual (psíquica) em choque com sua formação anatômica (Corpo). Os estudos realizados pelas ciências psicológicas nas personalidades com inversão sexual, analisando sua infância, educação, influência do meio, etc. Não lograram chegar as causas reais desencadeadoras da problemática, por não levarem em conta a preexistência da alma, que ao reencarnar traz consigo o enorme acervo de experiências, positivas e negativas, experiências sexuais, valores morais, tendências, qualidades e defeitos adquiridos em múltiplas existências anteriores. As causas profundas da homossexualidade têm origem nas vidas passadas e a lei da reencarnação clareia o nosso entendimento a esse respeito. (t)

Perguntas/Respostas:

<|||moderador|||> [1] – <Kiron> Regina_De_Agostini, qual seria a expiação ou missão de um homossexual aqui na Terra (Já que, de certa forma, contraria a Lei da Natureza)?

<Regina_De_Agostini> Quanto a expiação é fácil entender. Expiação é sofrimento decorrente de desequilíbrios vividos, da nossa ação, distanciada da Lei de Deus. A problemática da homossexualidade é dolorosa para os Espíritos que a vivenciam, é têm como objetivo a reharmonização da criatura, e não deve nunca ser encarada como um castigo de Deus. É ação da Lei de Deus que se cumpre sempre segundo as necessidades de cada espírito, que traz consigo a inversão sexual por fatores cármicos. Nos informam os amigos espirituais que “Espíritos cultos e sensíveis podem reencarnar em corpos diferentes de sua estrutura psicológica para realização de tarefas especializadas no campo do desenvolvimento intelectual, moral e espiritual da humanidade.” Segundo André Luiz, no livro “Ação e Reação” “Os grandes corações e os belos caracteres que, em muitas circunstâncias, reencarnam em corpos que lhes não correspondem aos mais recônditos sentimentos, posição solicitada por eles próprios, no intuito de operarem com mais segurança e valor, não só o acrisolamento moral de si mesmo, assim como execução de tarefas especializadas, através de estágios perigosos de solidão, em favor do campo social terrestre que se lhes vale da renúncia construtiva para acelerar o passo no entendimento da vida e no progresso.” São espíritos que já possuem elevação moral e espiritual que lhes confere a disciplina das emoções e desejos a inversão sexual temporária não choca, não perturba e nem arrasa com sua personalidade. Não deixarão de sofrer também momentos difíceis e experiências amargas, principalmente no campo do sentimento, suportando a solidão afetiva com fé, coragem, amor e idealismo superior. (t)

<|||moderador|||> [2] – <Dejavu> Nascer com o desejo homossexual é uma prova escolhida? Em caso afirmativo, qual o compromisso de conduta que se assume no planejamento reencarnatório?

<Regina_De_Agostini> Poderia dizer escolhida em alguns casos, aceita em outros, imposta em algumas situações. O compromisso assumido é sempre da busca da harmonização de nosso psiquismo profundo. Precisaríamos entender a função do instinto sexual, da energia sexual com suas funções não só para reprodução mas também responsável pela permuta de raios psicomagnéticos que, mal usados, produzem uma variada gama de psicopatologias destrutivas da personalidade sempre que encarnamos em posições de dificuldades, criadas por nós mesmos no nosso passado, geradas por comportamentos desarmônicos com a Lei de Deus, é para buscar o reequilíbrio das forças do Ser que é indispensável para a felicidade, este equilíbrio não será alcançado dentro de uma educação castradora, nem de uma educação liberativa. (t)

<|||moderador|||> [3] – <cordelDofogoEncantado> O homossexualismo é algo “errado”? Qual a visão do Espiritismo a respeito do assunto? Seria o Espiritismo contrário ao Homossexualismo?

<Regina_De_Agostini> Pela definição de homossexualismo, ou seja, a busca da satisfação sexual com um parceiro do mesmo sexo reforça a polaridade energética dos parceiros. Eu não diria que é errado ou certo, mas sim uma situação criada pela o uso das energias sexuais em desarmonia com a Lei, o que provoca a necessidade de reajuste. Sabemos que cada individualidade carrega em si núcleos de potencialização femininos e masculinos, e que as experiências num determinados sexo, durante muitas encarnações reforçam esses caracteres, provocando algumas vezes quando, da mudança da polaridade sexual, dificuldades para a individualidade. (t)

<|||moderador|||> [4] – <Dejavu> É possível transformar o desejo homossexual em desejo heterossexual, por simples determinação do indivíduo encarnado?

<Regina_De_Agostini> Através de muitas vivências, de muita educação e vontade. Não sei se seria possível realizar este trabalho em uma só reencarnação. Acredito que a casa espírita muito pode ajudar àqueles que a procuram para o entendimento de suas dificuldades, através do esclarecimento da fluído terapia e também do tratamento de desobsessão, pois muitas vezes a problemática homossexual é potencializada e induzida por companhias espirituais. (t)

<|||moderador|||> [5] – <titrigo/ Dejavu> Duas pergunta relacionadas: <titrigo> O que pensar da adoção de menores por casais homossexuais? <Dejavu> Em alguns países, a união civil de homossexuais é aceita, bem como a adoção de crianças. Essas famílias podem viver em harmonia, ajudando-se mutuamente no crescimento espiritual, e sem contrair novos débitos cármicos?

<Regina_De_Agostini> Os débitos cármicos são contraídos pelos comportamentos desarmônicos com a Lei de Deus. E cada individualidade é que pode responder pelas escolhas que faz e pelo comportamento que elege na sua vivência. As desarmonias são sempre variadas e são fruto do desamor, do desrespeito, das agressões encontradas nas relações entre homossexuais e também entre casais heterossexuais. Não saberia te responder sobre as conseqüências no psiquismo infantil vivenciando uma família diferente daquelas consideradas como a normalidade só o tempo, já que esta situação é mais atual poderá nos responder esta questão. Mas acreditamos que todo relacionamento com bases no amor, no respeito, na confiança deve ser de construção. (t)

<|||moderador|||> [6] – <TaGaNeT> Exite a possibilidade de sermos conduzidos a praticar o Homossexualismo por Espiritos (ou legiões de Espíritos) com a mesma faixa vibratória?

<Regina_De_Agostini> Lembramos aqui a questão da sintonia. Os espíritos podem potencializar, como já disse antes, os nossos próprios desejos, mas não podem cria-los. (t)

<|||moderador|||> [7] – <Luno> Que tipo de ajuda um espírito que passa pela problemática do homossexualismo pode procurar? Qual seria o primeiro passo em direção da rearmonização? (Considere também o caso em que a pessoa em questão não é espírita.)

<Regina_De_Agostini> Em 1º lugar é preciso que a individualidade em questão queira ajudar-se. Para isso é importante entender as causas das dificuldades de hoje, buscando com sinceridade a reforma de seus sentimentos. Acredito que só o entendimento pode nos levar a buscar a nossa transformação, seja ela em que área da nossa personalidade ela se faça necessária. (t)

Considerações Finais do Palestrante:

<Regina_De_Agostini> Gostaríamos de terminar trazendo a vocês a palavra do companheiro Dr. Américo Domingos “Como seria importante que todos os estudiosos da área sexual tivessem conhecimento da reencarnação. Na verdade, cada indivíduo é um universo, apresentando inumeráveis vivências, boas ou ruins, nos caminhos da evolução através de inúmeras vidas no plano físico. A energia sexual é uma força incomensurável que não pode ser sublimada abruptamente como aconselham religiosos radicais, nem tão pouco ser liberada sem responsabilidade ou disciplina”. (t)

Oração Final:

<Dejavu> Agradecemos ao Pai por nos permitir o aprendizado constante, pelas experiências na vida encarnada, e por momentos de estudo como este aqui, proporcionado por nossa amiga Regina. Que possamos aproveitar todo o material exposto aqui para nossa reflexão e amadurecimento sobre este tema complexo. Que os bons Espíritos nos acompanhem, e que nossos corações recebam paz e luz. Assim seja! (t)

Comentários

logo_feal radio boa nova logo_mundo_maior_editora tv logo_mundo_maior_filmes logo_uniespirito logo_amigos logo mundo maior logo Mercalivros logo_maior