Tamanho
do Texto

Reunião Mediúnica

Reunião Mediúnica

José Queid Tufaile Huaixan

Uma sessão mediúnica destinada a treinar os médiuns iniciantes pode ser chamada de “reunião de desenvolvimento mediúnico” ou de “reunião de educação da mediunidade”. Trata-se de uma só coisa e não há qualquer motivo sério para se discutir se devemos utilizar uma ou outra forma. Cada grupo escolhe a terminologia que mais lhe parecer adequada.

Normalmente os trabalhos mediúnicos têm duração de duas horas. As sessões de desenvolvimento são estruturadas levando em conta algumas necessidades de estudos e esclarecimentos, sem os quais poderão tornar-se improdutivas.

Aos grupos que nos procuram solicitando orientações nesse sentido, temos feito algumas recomendações que citaremos abaixo e que são frutos de experiências com a mediunidade.

Toda reunião mediúnica deve dedicar metade de seu tempo à instrução moral e filosófica e o restante às manifestações dos Espíritos. A sessão deverá ser aberta com a realização de uma prece, feita pelo dirigente dos trabalhos. Se possível, utilizando o modelo encontrado em O Evangelho Segundo o Espiritismo, capítulo 28, item 6.

O tempo da sessão poderá ser dividido da seguinte forma:

a) A primeira meia hora deverá ser ocupada com o estudo de O Evangelho Segundo o Espiritismo. É um livro que não poderá ser substituído por nenhum outro.

b) A segunda meia hora será ocupada com o estudo de O Livro dos Médiuns. A obra toda merece especial atenção dos médiuns, dirigentes e colaboradores, mas alguns capítulos se destacam pela urgência em serem estudados, antes do grupo se colocar em relação com os Espíritos desencarnados. Um programa completo sobre o estudo metódico deste livro poderá ser solicitado pelos interessados ao Grupo Espírita Bezerra de Menezes.

c) O restante do tempo da reunião será dedicado às manifestações dos Espíritos.

Uma Reunião de Desenvolvimento da Mediunidade poderá ser orientada em linhas bastante simples e objetiva. Tudo o que não tiver um motivo evidentemente útil deve ser deixado de lado.

Após a prece de abertura, proferida da parte do responsável pelos trabalhos, dar-se-á início aos estudos do Evangelho. Uma página será aberta e lida por quem tenha boa empostação de voz. Após a leitura, duas ou três pessoas serão convidadas para fazerem um breve comentário. Que todas as explicações sejam voltadas para a edificação geral, tanto de encarnados como de desencarnados.

O dirigente da sessão encerrará o estudo do Evangelho com os comentários finais, harmonizando alguma possível discordância. É muito comum os Espíritos que dirigem o centro espírita participarem das explanações, inspirando os comentaristas. Após os comentários evangélicos, inicia-se o estudo de O Livro dos Médiuns, através de leitura e explicações feitas pelo membros mais experientes.

Findos os estudos da noite, o dirigente proferirá a prece de abertura para a parte prática. Ele fará a evocação fervorosa dos Bons Espíritos, rogando-lhes a assistência e proteção para o ambiente.

As lâmpadas principais serão apagadas, deixando um o ambiente na penumbra, criando um clima propício à mediunização dos seareiros. Uma sessão onde se pretende desenvolver iniciantes nas tarefas mediúnicas precisa contar com um ou dois médiuns experientes. Através deles se manifestarão instrutores portando orientações ao grupo e se poderá fazer experiências demonstrando aos novatos as nuanças da passividade.

Os trabalhos serão abertos com a comunicação de um dos instrutores responsáveis pela casa. Depois, cuidar-se-á de fazer as experimentações junto aos novatos.

Neste tipo de trabalho pode-se deixar a sessão aberta às influências invisíveis, sem escolher-se o médium. Porém, o ideal é que se escolha para o exercício um deles por vez. Ao contrário do que pensam alguns dirigentes, isto não é sugestionar o transe, mas estimular os iniciantes a vencer as barreiras do medo, da insegurança e da dúvida.

Você gostou deste conteúdo?

Todo o conteúdo produzido pela Fundação Espírita André Luiz é aberto e gratuito e, com a sua ajuda, sempre será.

Ao todo são transmitidas 180 horas mensais de programas ao vivo e 240 horas mensais de programas inéditos através de nossos canais de comunicação: Rádio Boa Nova, Tv Mundo Maior e Portal do Espírito. Nós acreditamos que o acesso aos ensinamentos da doutrina espírita muda o mundo, mas manter uma estrutura deste porte é muito caro, por isso a importância do apoio de nossos leitores.

Quando você apoia iniciativas como a nossa, você faz com que pessoas que não podem pagar pela informação continuem tendo acesso a ela.

Ajude o espiritismo a alcançar mais pessoas

Apoie essa causa <3
logo_feal radio boa nova logo_mundo_maior_editora tv logo_mundo_maior_filmes logo_amigos logo mundo maior logo Mercalivros logo_maior