Tamanho
do Texto

Vamos à Escola, Lá se Aprende a Viver

No Brasil, a evasão escolar é um grande desafio para as escolas, pais e para o sistema educacional. Segundo dados do INEP de 100 alunos que ingressam na escola na 1ª série, apenas 5 concluem o ensino fundamental, ou seja, apenas 5 terminam a 8ª série.

As causas da evasão escolar são variadas. Condições socioeconômicas, culturais, geográficas ou mesmo questões referentes aos encaminhamentos didáticos – pedagógicos e a baixa qualidade do ensino das escolas podem ser apontadas como causas possíveis para a evasão escolar no Brasil.

Estes são os dados das pesquisas e nós ficamos nos indagando: porquê?

Escolas sempre foram ambientes ótimos. Foi lá que fizemos a nossa primeira coleção de amigos, aprendemos a descortinar a magia das letras que juntas nos fizeram dar um sentido diferente ao mundo.

O que está acontecendo com a Educação deste País? Será que a maneira de ensinar e aprender transformou-se tanto assim?

Sim, mudou e para pior, infelizmente. Estamos em crise na Educação.

Os noticiários gritam diariamente a recorrente violência escolar, alunos armados, usuários de drogas, professores surrados por alunos, dentro da própria escola e o que mais me incomoda, pais que pensam que a escola não pode contrariar os alunos e tão pouco exigir desempenho.

Nos atuais dias, tornou-se raro ver famílias que conseguem impor limites aos filhos, pais estes que muitas vezes não possuem limites eles próprios.

Ah, Pátria chamada Brasil !! Brasil das grandes epidemias, do deixa pra lá e da conivência com a corrupção.

Onde perdeu-se o conteúdo?, pelo que sei, o papel da escola é tirar o aluno da ignorância, ensina-lo a convivência e o trabalho em grupos dentro da sociedade.

O saber com conteúdo faz o mundo evoluir. Por que o povo está se tornando “vaquinhas de presépios” e aceitam qualquer lixo que lhes acene o meio politico, o meio midiático, vejam no que o Brasil está se tornando.

A evasão escolar, independe do nível social, geográfico, pois sob o pretexto de instaurar nas escolas a igualdade, o ensino foi para a lata do lixo.

Nos dias atuais o aluno não precisa comprovar seu aprendizado, automaticamente ele é convidado a seguir em frente, mesmo sem conhecimento algum. Não são mais necessários esforços de aprendizado, a ordem do dia é incluir mesmo que não exista nenhuma aptidão, por parte do incluso, sem falar na banalidade com que a educação é tratada.

O Brasil possui milhares de analfabetos, número que cresce a cada dia. O pior de tudo é que os alunos saem das escolas com os seus diplomas por meio da aprovação continuada, permitindo que o aluno passe de ano sem ao menos saber ler e escrever.

A tecnologia dos computadores, agilizam na atualidade a nossa vida porém nos nos torna sábios.

O homem ainda precisa de conhecimentos nas mais diversas áreas que só se aprende na escola, frequentando os bancos escolares todos os dias. À nós pais cabe-nos o dever de educar e aos professores o dever de instruir, não devemos inverter os valores.

Os pais devem tomar cuidados em não confundir permissividade e frouxidão com disciplina e cobranças e os professores a enfase em metodologias em vez dos conteúdos.

Por isso, não acredito que crianças fujam da escola, por ela ser longe de sua residencia, por não ter quem os acompanhem, por terem que trabalhar em tenra idade, por serem pobres e outras tantas desculpas arranjadas para formar um país de homens analfabetos. Fogem da escola, porque temos uma educação defasada, sem infra-estrutura, a culpa é sem dúvida desses governantes, que mandato após mandato, só prometem, mas nada cumprem. E isto não lhes é exigido ou cobrado.

Precisamos com urgência quebrar os paradigmas que nos tolhem a evolução como seres humanos. As novas e futuras gerações não podem ser prejudicadas é necessário que o estudo persistente, com conteúdo voltem a ser valorizados neste país.

Vale a reflexão nesta frase de Rui Barbosa:

“…a chave misteriosa das desgraças, que nos afligem, é esta, e só esta: a ignorância popular, mãe da servilidade e da miséria (…) eis o formidável inimigo, o inimigo intestino, que se asila nas entranhas do País. Para o vencer, revela instaurarmos o grande serviço da defesa nacional contra a ignorância”

Você gostou deste conteúdo?

Todo o conteúdo produzido pela Fundação Espírita André Luiz é aberto e gratuito e, com a sua ajuda, sempre será.

Ao todo são transmitidas 180 horas mensais de programas ao vivo e 240 horas mensais de programas inéditos através de nossos canais de comunicação: Rádio Boa Nova, Tv Mundo Maior e Portal do Espírito. Nós acreditamos que o acesso aos ensinamentos da doutrina espírita muda o mundo, mas manter uma estrutura deste porte é muito caro, por isso a importância do apoio de nossos leitores.

Quando você apoia iniciativas como a nossa, você faz com que pessoas que não podem pagar pela informação continuem tendo acesso a ela.

Ajude o espiritismo a alcançar mais pessoas

Apoie essa causa <3
logo_feal radio boa nova logo_mundo_maior_editora tv logo_mundo_maior_filmes logo_amigos logo mundo maior logo Mercalivros logo_maior