Tamanho
do Texto

Nem Céu, Nem Inferno – Comunicação do espírito Dr. Vignal

Na segunda parte de O Céu e o Inferno, Kardec insere no número dos espíritos felizes o do Dr. Vignal, antigo membro da sociedade de Paris, falecido poucos meses antes. Evocado por Kardec logo após sua desencarnação e questionado sobre sua nova situação, o espírito disse:

“Estou tão feliz quanto se pode ser, quando se vê confirmar plenamente todos os anseios íntimos que se pode ter tido sobre uma doutrina consoladora e reparadora. Sou feliz! Sim, o sou, porque agora, sem obstáculo algum, vejo desdobrar-se à minha frente o futuro da ciência e da filosofia espíritas”.

Três anos depois, em 23 de maio de 1868, quando Kardec sofria com as recaídas de sua doença, o espírito do doutor Vignal orientou o professor, recomendando repouso:

Quando está no estado de excitação nervosa que precede a crise nevrálgica, você precisa de uma absoluta calma e paz de espírito. Infelizmente, esses últimos dias e ontem, especialmente, você estava agitado, preocupado, cansado, sem tempo para descansar um pouco. É isso que explica a violência da crise que você teve que suportar”.

Você gostou deste conteúdo?

Todo o conteúdo produzido pela Fundação Espírita André Luiz é aberto e gratuito e, com a sua ajuda, sempre será.

Ao todo são transmitidas 180 horas mensais de programas ao vivo e 240 horas mensais de programas inéditos através de nossos canais de comunicação: Rádio Boa Nova, Tv Mundo Maior e Portal do Espírito. Nós acreditamos que o acesso aos ensinamentos da doutrina espírita muda o mundo, mas manter uma estrutura deste porte é muito caro, por isso a importância do apoio de nossos leitores.

Quando você apoia iniciativas como a nossa, você faz com que pessoas que não podem pagar pela informação continuem tendo acesso a ela.

Ajude o espiritismo a alcançar mais pessoas

Apoie essa causa <3
logo_feal radio boa nova logo_mundo_maior_editora tv logo_mundo_maior_filmes logo_amigos logo mundo maior logo Mercalivros logo_maior