Tamanho
do Texto

Nem Céu, Nem Inferno – Comunicação do espírito São Luís

Após a recomendação dos espíritos para suspender todas as atividades além do estritamente necessário, Allan Kardec passou a dedicar-se ao planejamento para o futuro do Espiritismo, elaborando, inicialmente, a Constituição Transitória do Espiritismo, que foi publicada na Revista Espírita de dezembro de 1868.

Por meio dessa regulamentação, seria criado o modelo do Comitê Central, que deveria ser reproduzido para as demais sociedades espíritas do mundo. A respeito desse projeto, manifestou-se o espírito São Luís, guia da Sociedade Parisiense de Estudos Espíritas:

Se alguma vez houve uma ideia lançada num momento favorável, certamente foi essa constituição que, antes mesmo de aparecer, já era aprovada por alguns. Os que esperam tudo da liderança acolheram o projeto com entusiasmo; os membros ativos, os que serão líderes em seus centros, já haviam pressentido e analisado em seu foro íntimo. O futuro vai nos provar que esse projeto não é o produto do entusiasmo de um momento, e, com a ação material unindo-se à adesão moral, ele lhe fornecerá os meios de transformar o projeto em fato consumado.

Você gostou deste conteúdo?

Todo o conteúdo produzido pela Fundação Espírita André Luiz é aberto e gratuito e, com a sua ajuda, sempre será.

Ao todo são transmitidas 180 horas mensais de programas ao vivo e 240 horas mensais de programas inéditos através de nossos canais de comunicação: Rádio Boa Nova, Tv Mundo Maior e Portal do Espírito. Nós acreditamos que o acesso aos ensinamentos da doutrina espírita muda o mundo, mas manter uma estrutura deste porte é muito caro, por isso a importância do apoio de nossos leitores.

Quando você apoia iniciativas como a nossa, você faz com que pessoas que não podem pagar pela informação continuem tendo acesso a ela.

Ajude o espiritismo a alcançar mais pessoas

Apoie essa causa <3
logo_feal radio boa nova logo_mundo_maior_editora tv logo_mundo_maior_filmes logo_amigos logo mundo maior logo Mercalivros logo_maior